Alguém se lembra do nome da equipe que venceu a 24 horas de Le Mans com um McLaren F1 em 1995? É preciso um pouco de pesquisa para saber, ou ler sempre o AUTOentusiastas. O nome é Lanzante Motorsports, empresa inglesa.

Pois bem, agora, depois de tantos anos, essa mesma empresa mostrou o primeiro dos Porsches 911 que está modificando, na mesma linha de alterações quase inacreditáveis que os 911 estão sendo “vítimas” em vários níveis de modificação, como os Singer, passando pelos carros de Magnus Walker, entre outros.

É um mercado certeiro esse dos antigos Porsches modernizados. Para qualquer que seja o preço, sempre existirão compradores.

Com autorização da equipe McLaren, motores Porsche turbo que foram usados em provas de Fórmula 1 serão colocados em onze unidades de 911 de rua, da geração 930 (1975 a 1989), com alterações gerais para serem tratáveis, terem dirigibilidade compatível com o uso de rua. Como naquele tempo esses carros tinham no máximo 335 cv, e o motor V-6 com dois turbocompressores ex-F1, até 850 cv em configuração de classificação —cerca de 750 cv na corrida —  trabalho sério teve que ser feito.

Originalmente havia motores de 3  ou 3,3 litros nos 911 Turbo, e o novo-velho motor é de 1,5 litro, sendo mais leve pelo tamanho e pelos materiais exóticos e caríssimos utilizados.

Alguns se lembram imediatamente deles. Eram os motores Porsche TAG Turbo, feitos com investimento da empresa de Mansur Ojjeh — Techniques D’Avant Garde — um dos sócios de Ron Dennis na McLaren, e que levou a 26 vitórias entre 1984 e 1987,  os títulos de pilotos em 1984 com Niki Lauda e 1985 e 1986 com Alain Prost, e o título de construtores em 1984 e 1985.

Um detalhe importante é que todos os carros virão com duas plaquetas no compartimento do motor, onde se vê o número desse, o nome do piloto que mais o utilizou e as corridas que participou, com a colocação e o nome de quem o conduziu na prova.

Não há preço divulgado até o momento, mas não será barato. Pouco importa. Para quem gosta de Fórmula 1 e pode pagar, algo mandatório na garagem.

Fotos: Lanzante e Wikipedia

JJ

(2.358 visualizações, 3 hoje)