O “dia”,11 de maio, foi criado pela Cervejaria Colorado, de Ribeirão Preto.

Foi o seguinte, o press release distribuído ontem pela agência EmeDois Press:

 

“Colorado promove Dia Mundial de Bike ao Trabalho e premia quem economizar emissão de CO2

Em parceria com a Bikxi, a cervejaria realiza campanha, entre os dias 9 e 25 de maio, para incentivar a redução da emissão de C02

A Colorado, cervejaria de Ribeirão Preto que está ganhando o coração dos paulistanos, promove pela primeira vez o Dia Mundial de Bike ao Trabalho, que será celebrado, este ano no Brasil, no dia 11 de maio. Em parceria com a Bikxi, primeira empresa de transporte compartilhado que utiliza bicicletas duplas e elétricas guiadas por profissionais, a marca premiará os consumidores que economizarem emissão de C02 e oferece ainda um dia inteiro de corridas grátis pelo aplicativos das bikes.

A ação acontecerá entre 9 e 25 de maio, menos aos finais de semana, na cidade de São Paulo, onde o sistema da Bikxi abrange as rotas de ciclovias e ciclofaixas das principais avenidas. Segundo o gerente de marketing da Colorado, Guilherme Poyares, a ideia é incentivar os paulistanos a utilizarem mais os meios de transporte compartilhados e, principalmente, intercalados com os que não produzem gases poluentes, como a bicicleta. “Queremos promover pequenas ações que imprimam o DNA da Colorado em São Paulo. Dá pra ser biofriendly e ter atitudes responsáveis mesmo numa cidade tão grande. A maioria dos trajetos de casa pro trabalho fica inviável usar somente a bike. Mas, se os meios de transporte forem utilizados em conjunto, fica mais fácil. Dá pra pegar metrô e Bikxi, por exemplo, e eliminar um carro das ruas. Ajuda no trânsito e diminui a poluição”, comenta Poyares.

Utopia em São Paulo? (Foto: vitacon.com.br)

A Colorado desenvolveu com a Bikxi uma tabela de premiação que terá como base o cálculo utilizado pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). Quanto mais uma pessoa usar a Bikxi e deixar de emitir CO2 – ajudando a construir uma cidade mais limpa, mais prêmios poderá retirar no Bar do Urso, bar da Colorado. Na primeira corrida o(a) passageiro(a) já ganha um chope, entre os brindes também estão copo, growler e refil.

No dia 11 de maio, quem solicitar uma corrida de Bikxi, via app Bikxi , terá o valor da corrida abatido pela Colorado. Para a realização desta campanha foi criada uma função específica no aplicativo Bikxi, por meio da qual o(a) passageiro(a) poderá ver quanto de C02 deixou de emitir durante a campanha e quais prêmios ele(a) tem direito.

Para saber mais sobre a campanha e participar, o usuário pode acessar o link www.bikxi.com.br/colorado”

No release foram dadas algumas informações:

“• O paulistano perde em média 1 mês e meio por ano preso no congestionamento
•  As emissões brasileiras de gases do efeito estufa aumentaram 8,9% de 2015 a 2016 (último estudo divulgado em outubro/2017);
• Carros representam mais de 70% da emissão de gases efeito estufa em São Paulo;
• Carros ocupam 88% dos espaços nas vias;
• Passageiros de carros emitem mais poluição por KM;”

Ou seja, para essa gente automóvel é vilão. Vai intoxicar o mundo com CO2 (para quem não sabe, é o gás que exalamos na respiração e o da flatulência do gado). E uma empresa de Ribeirão Preto criar um “Dia Mundial” de alguma coisa chega ser engraçado.

E nunca vi “economizar” emissão de CO2. Não emitir o gás, sim.

Tempos “mudernos”… como chamar bicicleta de bike…Como não é todo mundo que tem conhecimento da língua inglesa, pode ler “bique”! Podiam ao menos chamar bicicleta abreviadamente, bici, mas aí o charme iria pelo bueiro…

BS

(1.210 visualizações, 1 hoje)


Sobre o Autor

Bob Sharp
Editor-Chefe

Um dos ícones do jornalismo especializado em veículos. Seu conhecimento sobre o mundo do automóvel é ímpar. História, técnica, fabricação, mercado, esporte; seja qual for o aspecto, sempre é proveitoso ler o que o Bob tem a dizer. Faz avaliações precisas e esclarecedoras de lançamentos, conta interessantes histórias vividas por ele, muitas delas nas pistas, já que foi um bem sucedido piloto profissional por 25 anos, e aborda questões quotidianas sobre o cidadão motorizado. É o editor-chefe e revisor das postagens de todos os editores.

Publicações Relacionadas