Mercedes-Benz Classic oferece peças grandes de carroceria para o 300 SL “Asa de gaivota”.

As peças podem ser pedidas pelo seu número em qualquer concessionária Mercedes-Benz. O processo de produção combina tecnologia estado-da-arte com a fabricação artesanal tradicional. Ele assegura alta precisão de montagem da peças metálicas ao mesmo tempo que minimiza a necessidade de trabalho posterior no veículo. A Mercedes-Benz Classic desenvolveu o processo em cooperação com um fornecedor certificado.

O Mercedes-Benz 300 SL “Asa de Gaivota” (W 198) continua a ser um dos carros de sonho do mundo. Entre 1954 e 1957 apenas 1.400 unidades  do famoso “Asa de gaivota” foram produzidas, modelo que foi eleito “Carro Esporte do Século” em 1999. Ocorre que a preservação desses valiosos veículos muitas vezes requer importantes peças de carroceria que não são mais encontradas. Agora a Mercedes-Benz Classic reproduziu essas peças, e há outras em preparação.

As peças atendem ao alto padrão da Daimler AG. Suas superfícies são pintadas por eletroforese, o que garante os mais altos padrões visuais e técnicos. Os preços abaixo incluem o Imposto sobre Valor Agregado (VAT) e os equivalentes em reais são baseados no câmbio oficial de ontem:

• Para-lama dianteiro esquerdo (A198 620 03 09 40), € 11.900 (R$ 50.575)
• Para-lama dianteiro direito (A198 620 04 09 40), € 11.900  (R$ 50.575)
• Para-lama traseiro esquerdo (A198 640 01 09 40), € 14.875 (R$ 63.200)
• Para-lama traseiro direito (A198 640 02 09 40), € 14.875 (R$ 63.200)
• Seção central do painel traseiro (A198 647 00 09 40), € 2.975 (R$ 16.640)
• Assoalho da traseira (A198 647 00 09 40), € 8.925 (R$ 37.930)

 

Para-lama dianteiro esquerdo do 300 SL (Foto: divulgação)

A competência do fornecedor certificado inclui a complexa construção de ferramentas a partir de dados otimizados 3D de carrocerias originais. As peças produzidas nessas ferramentas são depois trabalhadas à mão para chegarem à sua forma final mediante o uso de macetes de madeira — que é outro processo especial. O resultado da simbiose entre tecnologia de produção estado-da-arte e construção artesanal é uma elevada precisão de montagem que reduz ao mínimo a necessidade de trabalho posterior no veículo.

BS

(814 visualizações, 1 hoje)