O C4 Lounge foi renovado e pude experimentar o carro em trajeto de estrada e cidade, próximo de Buenos Aires, Argentina.

As alterações demandaram testes em 93 carros protótipos e de pré-produção, e envolveram diretamente 50 profissionais só nesse programa, com 170 mil quilômetros rodados em testes de desenvolvimento e validação.

O carro mantém as boas características já verificadas nos nossos testes que foram feitos pelo Paulo e pelo Arnaldo Keller, além da apresentação quando da adoção do motor flex, feita pelo Bob Sharp, mas agora tem um estilo externo mais moderno, principalmente na dianteira, e no novo painel de instrumentos, que teve seu conjunto redesenhado para acomodar um novo quadro de instrumentos — cluster em inglês ou combiné, como se diz em francês — que é totalmente digital e em volume único, diferente do anterior que tinha instrumentos circulares.

De se louvar a posição do botão de partida do motor, que permanece à esquerda do volante e em posição elevada, perfeitamente visível para o motorista. Sem meias palavras, deveria ser copiado pelas marcas que tem essa tecla escondida atrás do volante.

Também o sistema multimídia de tela com 7 polegadas requereu alteração no painel, na parte central. Apesar da centralização de comandos, há ainda algumas teclas abaixo dele para rápida e prática regulagem do ventilador e dos desembaçadores sem precisar abrir telas e menus para isso, o que é muito bom.

O sistema tem espelhamento total do smartphone, que pode ser comandado pela tela do carro, e funciona em  Apple CarPlay, MirrorLink e Android Auto. Há GPS integrado, sempre útil por funcionar mesmo onde o sinal de celular é fraco ou inexistente.

Há também câmera de ré e o agradável teto solar, este apenas na versão de topo, a Shine,  como equipamento de série.

Para quem gosta de dirigir no sentido puro da palavra, uma perda. O câmbio manual de seis marchas não é mais disponível no modelo, um dos mais bem escalonados do mercado como o gráfico dente de serra mostrava na nossa última avaliação em maio do ano passado.

A Citroën conta com o novo C4 Lounge para aumentar presença no mercado: “O Novo Citroën C4 Lounge é o primeiro lançamento de um ano estratégico para a marca. Um produto alinhado à nossa ambição de ser a referência no relacionamento com os clientes por meio de uma oferta completa de veículos e serviços”, disse na apresentação Ana Theresa Borsari, Country Manager Brasil da Peugeot, Citroën e DS, as marcas da PSA.

Ana Theresa também falou sobre o Citroën Advisor, um programa inspirado no famoso Trip Advisor, onde os clientes podem colocar na internet a sua experiência com os concessionários da marca, para tornar facilmente acessível a informação a todos os interessados. O serviço está disponível também para se relatar as impressões com os carros. Sem dúvida, uma boa fonte de informações para quem tem ou quer comprar um Citroën.

A PSA entrou em um ritmo de novidades e esse ano terá mais coisa boa chegando, marcando o último ano antes da comemoração dos 100 anos da Citroën, que ocorrerá em 2019. Aliás, o C4 Lounge renovado já é ano-modelo 2019, e foi desenhado para chamar bem mais a atenção por onde passa.

O estilo modificado foi desenvolvido entre três centros de Design da marca, o brasileiro, o chinês e o francês, com as três regiões dando suas informações de gostos locais para definir como seria o carro.

Ficou chamativa a integração de grade dianteira com faróis, tudo ligado ao emblema do duplo chevron, que é o desenho estilizado dos dentes do tipo de engrenagem helicoidal dupla patenteado por André Citroën em 1900, cujo mérito é não gerar cargas axiais nos mancais ou rolamentos.

Exceto na versão básica, os faróis são 100% em LED, e todas as versões tem uma linha de LEDs que atuam como DRL (luzes de uso diurno). A Citroën divulgou alguns detalhes técnicos desse farol, algo bastante importante. O conjunto possui dois módulos de LED, sendo um para farol baixo, com 1.300 lúmens, e o outro para farol alto, com 2.400 lúmens. O facho é similar à luz natural, para diminuir o cansaço visual. Tem consumo de energia 74% menor que um farol com lâmpada halógena e maior durabilidade, chegando a ultrapassar 5 mil horas.

Atrás, novas lanternas e moldura entre elas, bem melhores do que antes, e com efeito tridimensional, e as capas dos para-choques são novas, na frente com faróis de neblina como equipamento básico e uma moldura em forma de “C”, bastante atraente. Há também um desenho na parte inferior que melhorou o ângulo de ataque, tornando mais difícil raspar essa parte nos pisos pré-históricos brasileiros.

São três versões agora definidas como Live, Feel e Shine, por ordem de preço, R$ 69.990, R$ 93.920 e R$ 102.790.

Por dentro, couro em 100% dos bancos nas versões Feel e Shine, e painel de instrumentos acolchoado na parte superior, bem como nos painéis de porta. O Live, especificamente definido para pessoas portadoras de deficiência física — preço isento de IPI e ICMS — tem tecido nos bancos.

A mecânica não teve alterações de motor, continuando a ser utilizado o excelente 1,6 THP Flex, que tem disposição para carregar o C4 com tranquilidade.

Só para recordar algumas características importantes desse motor, temos:

• Injeção direta sequencial
• Turbocompressor de dupla voluta
• Cabeçote de 16 válvulas com duplo comando de válvulas no cabeçote
• Bomba de combustível eletrônica de alta pressão
• Bomba de óleo com vazão variável
• Cárter duplo

São 166 cv com gasolina e 173 cv com álcool, a 6.000 rpm, e torque máximo de 24,5 kgfm, de 1.400 a 4.000 rpm. São 15,9 m·kgf a 1.000 rpm, um pouco acima da marcha lenta, tornando guiá-lo muito agradável.

A caixa de câmbio automática sequencial AT6 III é Aisin, e foi calibrada para possibilitar baixo consumo sem comprometer o desempenho. As trocas são muito suaves, não incomodando e nem prejudicando o conforto em nenhum momento. Há função Eco Drive, acionada por uma tecla em sua base. Há uma melhora de até 5% no consumo em ciclo urbano.

As suspensões tiveram calibrações alteradas, melhorando o conforto e mantendo a estabilidade bastante elevada. Em ondulações no asfalto, porém, ocorrem alguns movimentos de carroceria de pequena amplitude, que poderiam não existir se os amortecedores tivessem um pouco mais de carga.

Faróis de neblina estão presentes em todas as versões e contam com função “Cornering Light”, que é ativada para iluminar o interno das curvas, ajudando muito na segurança ativa.

As novas rodas de 17” se chamam Djobie, e foram criadas para o showcar C4 Lounge Sportchic, exposto no estande da marca no Salão do Automóvel de São Paulo de 2014.

A cor de lançamento é o vermelho Salta, bastante escuro e que dependendo da luz, fica até mesmo quase preto. O nome da cor foi inspirado na província homônima na Argentina, região vinícola a quase 1.200 metros de altitude. Também estão disponíveis o cinza Aluminium, cinza Moondust, preto Perla Nera, branco Nacré (perolizado) e branco Banquise (sólido), cores já existentes. 

 

Vermelho Salta, a cor de lançamento (Foto: autor)

Conforto sempre foi importante atributo da Citroën, e o C4, além do espaço interno generoso no banco traseiro, tem também melhorias no ruído interno, provindos da suspensão e isolamento acústico nos diversos painéis de carroceria.  

Há controle de estabilidade e assistente de partida em rampa em todas as versões. O freio com o obrigatório ABS tem o REF, repartidor de forças de frenagem individual em cada roda, e o AFU, que atua com força máxima na linha de freio quando o pedal é pressionado rápido e com bastante força, quando o sistema entende ser uma situação de emergência.

Na segurança passiva são seis airbags na versão-topo Shine, incluindo os de cortina para proteção de cabeças, o mais importante de todos — frontais e laterais na Feel e só frontais, na Live. Há também engates Isofix para cadeirinhas de crianças nas duas posições externas do banco traseiro em todas as versões.

O C4 Lounge sempre foi um atraente e eficiente sedã, traz embutido o DNA da marca, sentido por quem o dirige pela primeira vez logo nos quilômetros iniciais. Seu motor, desenvolvimento conjunto da PSA e da BMW, é brilhante sob todos os aspecto. Parafraseando o Bob no recente teste do Passat 2.0 TSI, o C4 Lounge servirá muito bem a quem precisa de espaço e conforto e não quer passar para o mundo dos suves.

Após as fotos adicionais, ficha técnica e lista de equipamentos.

JJ

Mais fotos:

FICHA TÉCNICA CITROËN C4 LOUNGE 1,6 THP FLEX 2019
MOTOR
Denominação, localização e posição EP6FDTM, dianteiro transversal, flex
Aspiração Superalimentação por turbocompressor de dupla voluta com interresfriador, 1,2 bar
Taxa de compressão (:1) 10,2
Diâmetro dos cilindros/curso dos pistões (mm) 77 x 85,8
Cilindrada (cm³) 1.598
Potência máxima (cv/rpm, G/A) 166173 6.000
Torque máximo (m·kgf/rpm) 24,5/1.400-4.000
Material do bloco/cabeçote Alumínio
N° e arranjo dos cilindros/arrefecimento Quatro em linha/a líquido
Árvores de comando de válvulas/acionamento Duas, corrente
N° de válvulas por cilindro/localização/atuação Quatro/cabeçote/indireta por alavanca-dedo
Variador de fase Comando de admissão
Formação de mistura Injeção direta
Combustível Gasolina comum e/ou álcool
TRANSMISSÃO
Câmbio/rodas motrizes Automático epicíclico Aisin AW/dianteiras
N° de marchas à frente/alavanca seletora Seis/assoalho, trocas manuais pela alavanca seletora
Relações das marchas (:1) 1ª 4,04; 2ª 2:37; 3ª 1,56; 4ª 1,16; 5ª 0,86; 6ª 0,67; ré 3,39; árvore de saída 0,94:1 influiindo em todas as marchas
Relação de diferencial (:1) 4,06
SUSPENSÃO
Dianteira Independente, McPherson, braço triangular, mola helicoidal, amortecedor pressurizado e barra estabilizadora
Traseira Eixo de torção, mola helicoidal, amortecedor pressurizado e barra estabilizador integrada ao eixo
DIREÇÃO
Tipo Pinhão e cremalheira
Relação/assistência N.D./eletro-hidráulica
Diâmetro mínimo de curva (m) 11,1
FREIOS
Servoassistência tipo A vácuo
Dianteiros (Ø mm) Disco ventilado/283
Traseiros (Ø mm) Disco/249
Controles ABS (obrigatório), distribuição eletrônica das forças de frenagem e auxílio à frenagem
RODAS E PNEUS
Rodas Alumínio, 6Jx17 “Djobie”
Pneus 225/45R17W
SISTEMA ELÉTRICO/GERADOR
Tensão nominal (V) 12
Tipo de gerador Alternador com função regenerativa
CARROCERIA
Construção Monobloco, subchassi dianteiro, sedã
Número de portas/número de lugares Quatro/cinco
DIMENSÕES EXTERNAS (mm)
Comprimento 4.621
Largura (sem/com espelhos_ 1789/2.100
Altura 1.505
Distância entre eixos 2.710
DESEMPENHO
Aceleração 0-100 km/h (s, G/A) n.d/9,4
Velocidade máxima (km/h, G/A) 215 (limitada)
CAPACIDADES E PESOS
Porta-malas (L) 450
Tanque de combustível (L) 60
Peso em ordem de marcha (kg) 1.425 (Shine)
Carga útil (kg) 410
GARANTIA
Termo 3 anos
MANUTENÇÃO
Revisões e troca do óleo do motor A cada 10.000 km ou 1 ano
CÁLCULOS DE CÂMBIO
v/1000 em 6ª (km/h) 46,9
Rotação a 120 km/h, 6ª (rpm) 2.550
Rotação à velocidade máxima, em 5ª (rpm) 6.400

 

EQUIPAMENTOS CITROËN C4 LOUNGE 1,6 THP FLEX 2019
Live Feel Shine
SEGURANÇA
Acendimento piscante das luzes de freio em freada brusca
Ajuste de altura de ancoragem dos cintos dianteiros
Alarme periférico, volumétrico e de levantamento
Apoio de cabeça dianteiro com regulagem altura e inclinação
Apoio de cabeça traseiro com regulagem de altura (3)
Assistente de partida em aclives
Aviso de cinto do motorista desatado
Bolsas infláveis frontais (obrigatórias)
Bolsas infláveis frontais (obrigatórias) e laterais
Bolsas infláveis frontais (obrigatóriaas), laterais e de cortina
Cintos dianteiros com pretensionador e limitador
Controle de estabilidade e tração
Eco-coaching
Engates Isofix para dois bancos infantis
Faróis Full LED
Faróis halógenos
Faróis e luz traseira de neblina
Luz de curva a partir do farol de neblina
Luzes de uso diurno (DRL) a LEDs
Modos Spor e Eco no câmbo
Retrovisor interno eletrocrômico
Retrovisores externos com ajuste elétrico
Sensores de chuva e crepuscular
Travamento automático das portas ao atingir 15 km/h
CONFORTO
Acesso ao veículo sem chave
Acionamento elétrico um-toque todos os vidros c/ antiesmagamento
Ar-condicionado
Ar-condicionado digital bizona e com saída para traseira
Câmera de ré com tela em cores 16:9 com linhas de trajetória
Comando de áudio no volante
Computador de bordo com termômetro do ar externo
Controle automático de velocidade de cruzeiro e limitador
Descansa-braço entre os bancos dianteiros
Descansa-braço no banco traseiro
Detector de obstáculos traseiros
Partida do motor por botão
Porta-luvas climatizado
Teto solar elétrico
Tomada 12 V
Volante com ajuste de altura e distância
ÁUDIO E MULTIMÍDIA
Centra multimídia de 7″
Central multimídia com CD, MP3, Bluetooth, navegador GPS, comandos no volante, efeito espacialização, tela tátil de 7″, mirror screen para Android Auto e Apple CarPlay
Seis alto-falantes (2 tweters)
Entrada auxiliar e USB
BANCOS E REVESTIMENTOS
Bancos traseiros divididos 1/3-2/3 com encostos rebatíveis
Pomo da alavanca de câmbio em couro
Revestimento dos bancos em couro
Revestimento dos bancos em tecido
Tapetes dianteiros e traseiros
Volante revestido de couro
Volante revestido de couro com detalhes cromados
ESTÉTICA
Acabamento do painel em prata
Acabamento do painel em preto brilhante
Carcaças dos retrovisores na cor do veículo
Friso cromado entre as lanternas traseiras
Frisos laterais cromados
Maçanetas das portas na cor do veículo
Quadro de instrumentos analógico
Quadro de instrumentos digital personalizável com 5 tons do branco ao azul
Saída de escapamento dupla
Soleiras de todas as portas cromadas
RODAS
Rodas de aluminio16″ Sansiro com pneus 205/55R16
Rodas de alumínio 17″l Djobe cinza Etincelle com pneus 225/45R17
Rodas de alumínio 17″ Djobe diamantadacom pneus 225/45R17
CORES
Branco Banquise (sólida)
Branco Nacré (perolizada)
Cinza Aluminium (metálica)
Cinza Moondust (metálica)
Preto Perla Nera metálica)
Vermelho Salta (metálica, nova cor)
(3.116 visualizações, 1 hoje)