Em uma avant-première, a Ford Brasil mostrou o Mustang 2018, anunciando sua importação oficial pela primeira vez ao Brasil depois de 53 anos de história do modelo.

O AUTOentusiastas avaliou o modelo básico em junho de 2016 nos EUA, e em outubro, no Salão do Automóvel, ficamos sabendo que em mais um ano começaria a importação oficial desse ícone dos pony-cars, o primeiro deles.

A apresentação dessa quarta-feira (29) trouxe a informação de que o modelo escolhido para ser vendido aqui será o GT Premium, com motor V-8 de 5 litros (5.030 cm³) e 466 cv, distribuídos por uma curva de torque com pico de 58 m·kgf. Para o melhor aproveitamento dessa potência, o câmbio é um novo automático de 10 marchas (desenvolvimento conjunto com a GM) , com trocas manuais sequenciais pelas borboletas no volante.

A Ford diz que considera a importação de outras versões caso seja desejo do consumidor, e nossa sugestão é que o carro com motor EcoBoost 2,3-L de 4 cilindros com turbocompressor e câmbio manual faça parte da linha também no Brasil, já que iria atingir um maior número de clientes. Estes teriam um excelente carro mesmo não tendo a mística do V-8, mas a preço mais baixo. Veja minha matéria do teste (com vídeo) para entender melhor.

O modelo 2018 é evoluído do anterior em vários itens, tanto de estilo externo e interno quanto de mecânica e eletrônica. Os instrumentos do painel são digitais agora, em tela TFT, não existindo mais ponteiros físicos. Há possibilidade de configuração de cores de iluminação para o interior.

As vendas começam agora em 11 de dezembro , com os primeiros carros sendo entregues por volta de março de 2018. Não foram divulgados os preços.

O AE parabeniza a Ford pela iniciativa e aguarda uma avaliação do Mustang em solo brasileiro — agora oficialmente.

Galeria de fotos:

JJ

(1.137 visualizações, 1 hoje)