A Volkswagen revelou nesta 5ª feira em São Paulo o Virtus, seu novo sedã derivado do novo Polo e que só será fabricado no Brasil, na Fábrica Anchieta, para abastecer o mercado local e a América Latina (América do Sul, América Central e Caribe). Vendas no Brasil já têm data marcada para começar: 21 de janeiro do ano que vem.

Foi apenas uma apresentação estática numa casa de shows no bairro do Itaim Bibi, e poucos dados foram fornecidos. Ainda está por ocorrer lançamento para imprensa com entrega de material e oportunidade para dirigi-lo.

O autor do desenho do Virtus é José Carlos Pavone, chefe de desenho da VW do Brasil.

O coeficiente aerodinâmico (Cx) do novo VW é 0,315, superior ao do Polo, que é 0,334.

O que logo chama a atenção é seu desenho marcante e, principalmente, seu tamanho com visível aumento das dimensões em relação ao Polo:

Virtus Polo
Distância entre eixos (mm) 2.651 2.565
Comprimento (mm) 4.482 4.057
Largura (mm) 1.751 1.751
Altura (mm) 1.472 1.468

Note que o entre-eixos é 86 mm maior e o comprimento, 425 mm mais. O porta-malas é de 521 litros e tem o arranjo de poder  o assoalho ter duas alturas. As dobradiças são pescoço de ganso, mas s ficam embutidas pelo revestimento e não interferem com a bagagem.

Diferentemente do Voyage, que teve um trabalho de alongamento do assoalho a partir do Gol por adição de chapa, resultando no poço do estepe bem distante do para-choque, no Virtus isso não acontece, visto ser um assoalho próprio. Não haverá versão 1-litro MPI.

Estepe agora fica na extremidade traseira; estepe fica nesta posição, com a válvula para cima, padrão da região — na Europa fica para baixo

Poço do estepe agora é visto ao se olhar o carro por trás

Ponto alto no novo sedã é o espaço no banco traseiro, cujo encosto é rebatível e dividido 40:60, realmente expressivo.

Eu “atrás de mm”, a imagem fala por si só: muito espaço para pernas

Nada foi dito sobre versões, mas devem ser a mesmas do novo Polo — MSI 1,6 e Comfortline/Highline 1,0 TSI 200.

BS

 

(3.882 visualizações, 1 hoje)


Sobre o Autor

Bob Sharp
Editor-Chefe

Um dos ícones do jornalismo especializado em veículos. Seu conhecimento sobre o mundo do automóvel é ímpar. História, técnica, fabricação, mercado, esporte; seja qual for o aspecto, sempre é proveitoso ler o que o Bob tem a dizer. Faz avaliações precisas e esclarecedoras de lançamentos, conta interessantes histórias vividas por ele, muitas delas nas pistas, já que foi um bem sucedido piloto profissional por 25 anos, e aborda questões quotidianas sobre o cidadão motorizado. É o editor-chefe e revisor das postagens de todos os editores.

Publicações Relacionadas