Vettel treina pouco. Sainz surpreende. Massa foi oitavo

Vettel segue enfrentando problemas mecânicos (Ferrari)

Se tudo parece caminhar dentro dos conformes para Lewis Hamilton, a maré de azar de Sebastian Vettel parece não ter fim: ao final do primeiro dia de treinos livres para o GP dos EUA, hoje, no Circuito das Américas, o inglês marcou o melhor tempo e o alemão ficou relegado ao terceiro posto, com direito a uma saída de pista e vários problemas técnicos em seu carro.

Alonso voltou a usar o capacete que marcou sua estreia em Indy (McLaren)

Destacaram-se ainda Fernando Alonso e Felipe Massa, sétimo e oitavo classificados e Carlos Sainz Jr. Em sua estreia na equipe Renault, o espanhol foi marginalmente mais rápido que o alemão Nico Hulkenberg, bem mais acostumado ao carro e ao método de trabalho da equipe francesa.

Novo emprego para Sainz e alusão ao outubro rosa na pintura do seu carro (Renault)

Outra novidade foi a ênfase dada do outubro rosa, a campanha destinada a promover os cuidados necessários para diminuir a incidência do câncer de mama. Desde a identificação dos pneus ultra macios, a sapatilhas, detalhes nos carros e nas placas indicativas de cada curva, o tom rosa destacou não só a atenção dada à causa como também inaugurou uma nova era na F-1: até então jamais a categoria abriu espaço para uma ação desse tipo.

Os treinos prosseguem amanhã, quando também haverá a prova de classificação.

Resultados de hoje:

1) Lewis Hamilton (Grã-Bretanha), AMG-Mercedes W08, 1’34″668
2) Max Verstappen (Holanda), Red Bull RB13-Tag Heuer, 1’25″06

Adeus, Ferrari: Verstappen renovou com a Red Bull até 2020 (RBCP)

3) Sebastian Vettel (Alemanha), Ferrari SF70H1’35”192
4) Valtteri Bottas (Finlândia), AMG-Mercedes W08, 1’35”279
5) Daniel Ricciardo (Austrália), Red Bull RB13-Tag Heuer, 1’35″463
6) Kimi Räikkönen (Finlândia), Ferrari SF70H, 1’35″514
7) Fernando Alonso (Espanha), McLaren MCL32-Honda, 1’36″304

Oitavo mais rápido, futuro de Massa segue em branco (Williams)

8) Felipe Massa (Brasil), Williams FW40-Mercedes, 1’36″460
9) Sérgio Pérez (México), Force India VJ10-Mercedes, 1’36″481
10) Estebán Ocón (França), Force India VJ10-Mercedes, 1’36″490
11) Carlos Sainz Jr (Espanha), Renault RS 17, 1’36″529
12) Nico Hulkenberg (Alemanha), Renault RS 17, 1’36″534
13) Daniil Kvyat (Rússia), Toro Rosso STR12-Renault, 136″761
14) Kevin Magnussen (Dinamarca), Haas VF17-Ferrari, 1’37″285
15) Stoffel Vandoorne (Bélgica), McLaren MCL32-Honda, 1’27″463
16) Lance Stroll (Canadá), Williams FW40-Mercedes, 1’37″788
17) Brendon Hartley (Nova Zelândia), Toro Rosso STR12-Renault, 1’37″987
18) Pascal Wehrlein (Alemanha), Sauber C36-Ferrari, 1’38″165
19) Marcus Ericsson (Suécia), Sauber C36-Ferrari. 1’38″262
20) Romain Grosjean (França), Haas VF17-Ferrari, 1’38″387

WG

(406 visualizações, 1 hoje)