Há alguns anos pesquisei e escrevi brevemente sobre Richard Teague, o estilista responsável pela maioria dos carros interessantes da extinta American Motors Corporation. Aquele texto nasceu da curiosidade sobre o belo AMX/3, um conceito que chegou perto de ser produzido em 1970.

Agora foi anunciado pela empresa de leilões  Gooding & Company que o evento no Arizona, na cidade de  Scottsdale em janeiro de 2017 irá ter, entre marcas como Ferrari, Porsche, Alfa Romeo, Packard, Bentley, e Mercedes-Benz, um carro que deverá chamar mais atenção do que todos os de marcas europeias nobres, o impressionante AMX/3.

Tudo estava planejado para fazer do carro um sucesso como esportivo, já que as tentativas da AMC de manter a marca viva determinaram que o carro de motor central-traseiro e dois lugares fosse bem desenvolvido. Assim, o projeto foi feito com participação da engenharia da BMW para os testes de validação, com a ajuda de Giotto Bizzarrini no desenvolvimento de chassis e suspensão e o projeto de carroceria da Italdesign, sobre o desenho de Teague.

O motor escolhido foi o já existente V-8 de 390 polegadas cúbicas (6,4 litros) e um câmbio de quatro marchas permitiria desempenho de esportivo verdadeiro, e o carro que vai a leilão foi testado em Monza, tendo ultrapassado 160 mph (257 km/h) que era a velocidade máxima prevista em projeto.

A produção em série seria feita na Itália, mas apenas cinco protótipos foram fabricados antes da paralisação do projeto.

Deverá ser uma disputa razoável pelo lote, já que por duas vezes o mesmo carro foi exposto no famoso evento de Pebble Beach, credencial que faz valorizar qualquer carro que por lá passe.

A estimativa da Gooding & Company é que o milhão de dólares seja atingido.

JJ

(109 visualizações, 1 hoje)


Sobre o Autor

Juvenal Jorge
Editor Associado

Juvenal Jorge, ou JJ, como é chamado, é integrante do AE desde sua criação em 2008 e em 2016 passou a ser Editor Associado. É engenheiro automobilístico formado pela FEI, com mestrado em engenharia automobilística pela USP e pós-graduação em administração de negócios pela ESAN. Atuou como engenheiro e coordenador de projetos em várias empresas multinacionais. No AE é muito conhecido pelas matérias sobre aviões, que também são sua paixão, além de testes de veículos e edição de notícias diárias.

Publicações Relacionadas