Menos de uma semana após conquistar o títiulo de Campeão Mundial de F-1, o alemão Nico Rosberg anunciou hoje sua decisão de abandonar a F-1. Em uma longa carta publicada em sua página na internet, Rosberg menciona a frustração das duas temporadas anteriores, a pressão sofrida no Campeonato recém-terminado e o fato de sua esposa, Vivian, ter ficado com o peso de cuidar sozinha da filha Alläia.

A última largada : circuito Yas Marina, Abu Dhabi, 27/10/2016 (Foto Mercedes)

A última largada : circuito Yas Marina, Abu Dhabi, 27/10/2016 (Foto Mercedes)

O anúncio feito hoje, em Viena,  às 11h30 pelo horário de Brasília, aconteceu com a presença de Toto Wolff, o responsável pela equipe Mercedes de F-1. O executivo comentou a decisão do piloto:

“Desde 2010 ele agregou muita energia ao nosso time e amadureceu bastante. Para a equipe isso cria uma situação inesperada e também desafiadora: vamos partir para uma nova era de regulamento técnico e a decisão de Nico deixa uma vaga em aberto. Vamos tomar o tempo necessário para avaliar nossas opções e, só então, determinar o rumo do nosso futuro.”

Leia o comunicado de Nico Rosberg publicado em seu site:

“Há 25 anos no automobilismo, meu sonho, meu objetivo, sempre foi me tornar campeão mundial de F-1. Com trabalho duro, dores, sacrifícios, isso sempre foi meu alvo. E agora eu consegui. Eu escalei a montanha, estou no cume, então tudo bem. Minha maior emoção neste momento é minha profunda gratidão a todo mundo que me apoiou para que esse sonho se tornasse realidade.

Keke Rosberg passou o fim de semana em Abu Dhabi, mas só foi à pista no domingo (Foto Mercedes)

Keke Rosberg passou o fim de semana em Abu Dhabi, mas só foi à pista no domingo (Foto Mercedes)

Esta temporada, eu garanto, foi das mais duras. Após os desapontamentos dos dois anos anteriores eu me dediquei que nem louco, sob todos os aspectos. Esses anos elevaram minha motivação a níveis que eu nunca tinha vivido antes. E isso, claro, teve um impacto naqueles que eu amo — foi um enorme esforço familiar de sacrifícios, onde tudo foi colocado em segundo plano por causa do meu objetivo. Eu não encontro palavras para agradecer minha esposa Vivian; ela foi incrível. Ela entendeu que este ano era a o momento, nossa oportunidade de conseguir o objetivo, e criou o espaço para eu recuperar totalmente no intervalo entre uma corrida e outra; tomou conta da nossa filha noite após noite, cuidando de tudo quando o caminho ficou mais difícil e priorizou nosso campeonato sobre todo o resto.

Nico: "Não tenho palavras para agradecer a VIvian" (Foto Mercedes)

Nico: “Não tenho palavras para agradecer a Vivian” (Foto Mercedes)

Quando eu venci a corrida de Suzuka, desde o momento em que o destino do título estava em minhas mãos, a pressão começou a aumentar e comecei a considerar encerrar minha carreira caso eu me tornasse campeão mundial. Domingo de manhã, em Abu Dhabi, eu sabia que aquela poderia ser minha última corrida e aquele sentimento clareou meus pensamentos antes da largada. Eu quis desfrutar cada momento daquela experiência, sabendo que poderia ser a última delas…e quando as luzes se apagaram eu vivi as mais 55 voltas mais intensas da minha vida. Eu tomei minha decisão na manhã de segunda-feira e refleti por um dia; as primeiras pessoas que souberam disso foram a Vivian e o Georg (Nolte, seu agente), e em seguida Toto.

Toto Wolff foi o maior apoiador de Nico entre os Flechas de Prata (Foto Mercedes)

Toto Wolff foi o maior apoiador de Nico entre os Flechas de Prata (Foto Mercedes)

A única coisa que torna esta decisão difícil é a situação delicada em que coloquei minha família automobilística. Mas o Toto entendeu. Ele soube no ato que eu estava completamente convencido e apoiou minha decisão. Minha conquista mais importante nas competições foi ter vencido o Campeonato Mundial com esse incrível grupo de pessoas, com os Flechas de Prata.
Agora eu estou aqui para curtir esse momento. Terei tempo para curtir as próximas semanas, refletir sobre a temporada e aproveitar todas as experiências que acontecerão no meu caminho. Só depois disso eu vou completar a próxima curva da minha vida e ver o que o futuro me reserva.”

Ao anunciar a decisão Rosberg afirmou que curtir o que o futuro lhe reserva (Foto Mercedes)

Ao anunciar a decisão Rosberg afirmou que quer curtir o que o futuro lhe reserva (Foto Mercedes)

WG

(86 visualizações, 1 hoje)