A empresa de estilo italiana Icona, que tem sua base de trabalho na China, colocou à venda o primeiro e único carro do mundo fabricado em liga de titânio.

O Vulcano Titanium é mais convencional na mecânica, um Chevrolet V-8 de 6,2 litros do Corvette, superalimentado para atingir 679 cv capaz de levar o carro a 354 km/h,  acelerando de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos. O motor é dianteiro, porém atrás do eixo dianteiro.

O carro foi feito em exemplar único e não terá outro igual, depois de aproximadas 10 mil horas de trabalho manual apenas para a construção, fora o projeto.

A empresa quis fazer uma prova viva de sua capacidade, e o carro foi mostrado publicamente em 2013, no Salão de Xangai, com carroceria de alumínio e compósitos, para em 2015 apresentá-lo em Pebble Beach já em titânio.

Usa rodas de alumínio forjado, com 20 polegadas de diâmetro na frente e 21 atrás, pneus Pirelli P Zero e freios Brembo com discos de carbocerâmicos. O peso total não é baixo como o titânio faz supor: 1.596 kg.

Dentro, compósito de fibra de carbono, couro e Alcantara, para aquela mistura de alta tecnologia e luxo, mandatório nos carros de preço exacerbado e exclusivos.

O carro estará exposto para os interessados e curiosos no concurso de elegância chamado Salon Privé, que será realizado na cidade de Woodstock, Inglaterra,  de 1 a 3 de setembro.

O problema é só o preço, 2,5 milhões de euros ou 8,7 milhões de reais ao câmbio de hoje. Lá na Europa.

JJ

(122 visualizações, 1 hoje)