Este vídeo complementa a matéria “no uso” do Peugeot 208 com o motor PureTech 3-cilindros de 1,2 litro que pode ser lida no link: Peugeot 208.



Error, group does not exist! Check your syntax! (ID: 7)
  • Brenno

    Acredito que com câmbio automático deve ficar bastante interessante.

  • Lucas dos Santos

    Eu estava aguardando ansiosamente por esse vídeo!

    A filmagem ficou excelente. Como já comentei anteriormente, a câmera fixa no teto solar é a que oferece o melhor ângulo, na minha opinião, e é a minha preferida. Gostei também da câmera posicionada ao lado do banco do motorista. Passa uma boa sensação de como é dirigir o carro. Espero que seja usada nos próximos vídeos sempre quando possível. Aquela câmera colocada do lado de fora do carro, apesar de não ser a minha preferida, foi bem útil para mostrar as condições do piso naquele momento. Foi bastante oportuna a utilização dela. Vocês fizeram um ótimo trabalho nesse vídeo e estão de parabéns! Continuem assim!

    Sobre o carro, me chamou muito a atenção o som do motor quando ouvido de fora. Não lembro de outro três-cilindros testado aqui no AE ter tido um som tão marcante! Assim como o Bob, eu também gosto de câmbios de cinco marchas, cujo engate da marcha à ré fica no mesmo canal da quinta marcha e sem trava. É muito melhor de usar, especialmente em manobras em que requeiram alternar entre 1ª e ré. A Peugeot também fez um ótimo trabalho nesse carro.

  • Resendemaster

    A qualidade da imagem do vídeo é muito boa e a avaliação também.

  • Claiton, nos VW a trava de ré é necessária para evitar que a alavanca vá inadvertidamente para o canal de ré. O que considero muito ruim é trava de ré no caso de ela ser sob a quinta, uma vez que existe trava interna no seletor para impedir uma tentativa de passar da quinta à ré com o carro em movimento para frente. Aliás, os Fiat, Mobi inclusive, têm esse arranjo, o do “pescoço inútil”.

  • Bruno, que bom que o AE esteja sendo do seu agrado.