Depois do sucesso dos workshops sobre tecnologias Audi, Bosch e Hella, agora o assunto é o futuro do trânsito em uma grande cidade como São Paulo.

Juvenal Jorge, editor associado do AE, escreveu o livro “O dia em que São Paulo parou” para mostrar a necessidade de uma conscientização de toda a sociedade e uma abordagem coordenada para melhoria do tráfego nas grandes cidades do Brasil.

Alguns dos assuntos do livro e workshop são:

Conscientização da utilidade do veículo motorizado;
Dirigir é uma coisa, “estar conectado” é outra;
Mostrar que carros não são “de passeio”;
Nunca acreditar nos políticos e técnicos comandados por políticos;
A solução passa por grupos conscientes.

Além de editor do AE desde 2008, o JJ como é chamado, é engenheiro automobilístico formado pela FEI, com mestrado em engenharia automobilística pela USP e pós-graduação em administração de negócios pela ESAN. Atuou como engenheiro e coordenador de projetos em várias empresas multinacionais e também trabalhou na Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) em São Paulo.

No AE é muito conhecido pelas matérias sobre aviões, que também são sua paixão, além de testes de veículos e edição de notícias diárias.

Workshop AE Trânsito de São Paulo
Data: 16 de abril de 2016 (próximo sábado)
Horário: das 10h00 às 12h30
Local: Audi Lounge – Rua Oscar Freire, 565 – Jardins, São Paulo – SP, 01426-001, fone: (11) 2737-5030
Inscreva-se gratuitamente aqui: inscrição

Os workshops do AE também são uma excelente oportunidade para encontrar amigos e editores do site.

Veja algumas matérias do JJ sobre aviões: Aviões no AE.
Conheça o Audi Lounge: Um espaço para autoentusiastas.

Nos encontraremos lá!

AE/PK



  • F A

    Agora tem limite de 30 km/h em São Paulo. No Simba Safari eu ando mais rápido.

  • Carlos Eduardo, erro nosso na página do aviso com formulário de inscrição. Dê uns minutos que está sendo corrigido. Nos desculpe.

  • Carlos Eduardo, mais um vez nossas desculpas pelo incômodo. Nos vemos lá sábado. E obrigado por avisar.

  • Legal, Felipe!

  • Que ótimo, Acyr!