A Volvo mostrou humildade ao reconhecer que seu filme institucional postado no YouTube e reproduzido nesta coluna ontem apresentava realmente argumentos exagerados e até desrespeitosos. O filme foi retirado do ar (narrado em inglês com legendas em português) e como YouTube tem alcance mundial, pode significar que houve também reações negativas em outros países.

volvo

Era com o leitor via a imagem do vídeo pronto para rodar, mas hoje o que aparece é a imagem da abertura

A ideia parecia bem intencionada e a produção era muito bonita, falando sobre o futuro com mais segurança e menos poluição. Do meio para o final é que descambou numa crítica generalizada a quem produz carros muitos potentes e insinuava que nenhuma marca se preocupa tanto com a segurança como a Volvo. Sobrou até para os que gostam ou assistem corridas de automobilismo em citação indireta na narração.

Este colunista trocou várias mensagens com a assessoria de imprensa no Brasil, mas como o filme era uma ação institucional da Suécia nada podia ser feito.

É bom não esquecer do velho ditado: “Quem exagera na argumentação, perde a discussão”.

FC

A coluna “Alta roda” é de total responsabilidade do seu autor e não reflete necessariamente a opinião do AUTOentusiastas.
(89 visualizações, 1 hoje)