O Pé na Tábua — Corrida de Calhambeques, que se realizará em março nos dias 25 a 27 em Franca (SP) — faz uma homenagem ao Grand Prix de Mônaco de 1933, com um cartaz muito chamativo.

Mais que diversão, cultura e ponto de encontro para entusiastas, o Pé na Tábua, também chamado de PNT, é um resgate histórico do mundo automobilístico. O termo “calhambeque” é usado popularmente para carros antigos fabricados até antes da Segunda Guerra Mundial.

O número de público e participantes cresce a cada ano, desde que o evento foi criado em 2011.   Em 2015 mais de três mil pessoas assistiram às competições e se divertiram com a família.

A cidade de Franca, no interior de São Paulo, receberá as raridades para a corrida mais divertida do Brasil. Carros fabricados até 1936 e motocicletas com mais de 64 anos de idade irão competir na pista do Speed Park.

“A arte do cartaz de divulgação desse ano foi uma homenagem a essa corrida histórica em Mônaco. Queremos despertar o sentimento de nostalgia das grandes competições de antigamente, afinal, os veículos que vem ao PNT são octogenários e também representantes da mesma época”, explica Tiago Songa, organizador do evento.

Prova do sucesso do PNT é a empolgação do casal Eduardo Trindade e Renata Teixeira, que não escondem a ansiedade de participarem de mais uma corrida. Pilotando um Ford Modelo A, de 1931, vindo do Rio de Janeiro, eles participam da disputa pelo terceiro ano consecutivo. “Quando fui pela primeira vez, me encantei e, desde 2014, eu não perco o evento. O clima de integração com as pessoas é ótimo e a corrida é muito divertida. É claro que tudo isso nos incentiva a participar, mas também vamos para competir”, afirma Eduardo.

Na agenda de Paulo Gabarra e da família, o PNT se tornou evento obrigatório. Desde a primeira edição, eles participam e, esse ano, não será diferente. Três gerações da família Gabarra estarão na pista. Paulo, as filhas, genros e o pai, Darcy Gabarra, participarão das corridas, com quatro modelos de carros: dois Chevrolet 1928, um Ford 1932 e outro Chevrolet de 1936. “É o melhor evento de carros antigos do Brasil e é uma satisfação para a família participar”.

Gabarra ainda explica que ver a empolgação do pai de 92 anos no evento é muito gratificante. “Ano passado, quando estávamos saindo de Franca depois do evento, ele já estava planejando a participação para esse ano. E quando você vê esse sentimento, não tem palavras para descrever a felicidade”, diz.

O evento é para todas as idades e os participantes contam com uma estrutura completa, desde estacionamento, alimentação até acomodação. Há também a opção da área VIP, no qual o visitante pode entrar nos boxes e sentir a adrenalina dos competidores, além de conhecer cada raridade de perto. O tricampeão mundial de Fórmula 1, Nélson Piquet seu filho, Pedro Piquet, já confirmaram presença.

A competição possui seis categorias: Ford A (modelos da Ford fabricados entre 1928 e 1931), Miscelânea (a categoria mais charmosa, formada por todas as marcas e modelos, com exceção da Ford modelo A), Transplantados (carros antigos com a mecânica modificada), Speed (na qual se incluem os carros originais “de corrida” — os mais rápidos), Motos Clássicas e Marcha Lenta (o veículo mais lento, em um trecho de 100 metros, é o vencedor).

As inscrições para competidores estão abertas e podem ser realizadas pelo site www.penatabua.com.

JJ

Pe na Tabua



Error, group does not exist! Check your syntax! (ID: 7)