O Dia Nacional do Fusca, 20 de janeiro, é comemorado pelos amantes de Fusca no Brasil inteiro desde 1989; em 2016 isso ocorreu pela 28ª vez. A data foi criada para festejar no Brasil o carro mais popular do mundo, e tem por finalidade manter a consciência da preservação dos carros, de suas histórias e da história do Fusca no Brasil.

Quando esta data cai fora de um fim de semana como a deste ano, uma quarta-feira, os clubes escolhem um  antes ou depois para as comemorações.  Este ano o Fusca Clube de poços de Caldas escolheu o fim de semana 23-24 de janeiro.

Este ano tive a oportunidade de fazer novamente parte da programação do Clube do Fusca de Poços de Caldas; a famosa estância hidromineral no Estado de Minas Gerais. No ano passado o clube realizou no sábado 24 de janeiro um evento cultural em sua sede social e, no domingo, um encontro de Fuscas na praça José Affonso Junqueira, atrás do emblemático Hotel Palace.

Como em 2015, este ano fui convidado para dar uma palestra, que desta vez foi no sábado à noite.

AG-25-Foto-01

Cartaz do evento cuja ilustração se baseou no primeiro anúncio de venda do Fusca Nacional; toda a programação está detalhada e a ligação do evento comigo fica por conta de meu “short profile”

A realização deste evento foi seriamente ameaçada pela inusitada e violenta inundação que a cidade sofreu no dia 19, algo jamais visto por lá. Foi causada por um rio que atravessa a cidade alternando ser conduzido em tubulação fechada ou canal aberto e que recebeu um volume de água anormalmente grande. Nos respiros entre as áreas canalizadas a força da água chegou a estourar paredes e arrastar tudo que encontrava pela frente! Não se tem registro de catástrofe similar nesta cidade. Centenas de carros foram inutilizados, muitas garagens foram inundadas e diversas lojas foram severamente danificadas.

Mas tanto a prefeitura quanto os atingidos em geral fizeram um grande esforço e limparam a cidade, tendosio possível manter o evento programado, mesmo que os estragos ainda estivessem visíveis.

Viajei para Poços de Caldas na sexta-feira 22/1, o “Accu Weather” insistia em indicar alta possibilidade de chuva naquele fim de semana. No caminho o sol revezava com pesadas nuvens dando um contraste bonito, porém ameaçador, como se pode ver na foto abaixo.

AG-25-Foto-08

Nesta parte da estrada as nuvens cobrindo o sol faziam o contraste com áreas ensolaradas e alguns pingos no para-brisa mostravam que poderia chover logo

Chegando à Poços estava chovendo, mas fomos recebidos por um lindo arco-íris. Como o encontro de Fuscas ia ser no domingo pela manhã restava a esperança que a chuva desse uma trégua.

No sábado, antes do almoço foi a hora de ir até a sede do clube para testar o equipamento que seria usado na palestra — funcionou tudo direitinho — e combinar detalhes. Lá eu recebi um kit de brindes que seriam entregues aos participantes do evento do domingo e mais uma surpresa: no útil copinho de brinde uma menção à minha presença!

AG-25-Foto-11

No útil copinho recordação do evento está gravado, abaixo do logotipo do Clube: “Dia Nacional do Fusca com Alexander Gromow” — uma honra para mim!

Lá pelas dezoito horas o amigo César De Marco nos buscou no hotel à caráter, com sua Quantum 1988 impecável, para o programa do sábado à noite que incluía a minha terceira palestra em Poços de Caldas. Já tinham sido dadas as palestras: “O Fusca – seu nascimento na Alemanha” e “O Fusca – Chega no Brasil, vence e se despede duas vezes…” Esta terceira palestra seria sobre a “Velha Senhora”: “KOMBI – Sua Real Origem – Pesquisa sobre a origem deste veículo carismático indo de Ferdinand Porsche a Ben Pon”.

AG-25-Foto-12

Aí está a Quantum 1988 do César De Marco e o próprio; o carro está excelente para sua idade, estado de novo!

Antes da palestra o pessoal aproveitou para socializar e bater aquele papinho, a sede é muito agradável e foi servido um coquetel. Cadeiras já tinham sido dispostas tornando o salão da sede em auditório para a palestra.

AG-25-Foto-13

O pessoal foi chegando à Sede do Clube,;na foto, da esquerda para a direita, Cleiton Aparecido Domingues, presidente do Clube, César De Marco, na porta externa o José Lucchino Judice; e, com um pouco de boa vontade, na porta de dentro, o Marcelo Barroso e a Cláudia Cordeiro

No começo da palestra eu passei os presentes que tinha trazido para o clube. O primeiro item tem muito valor histórico em relação à segunda despedida do Fusca no Brasil. Trata-se da faixa que fechava o topo da fachada do pórtico preparado para a foto de despedida do Fusca “Itamar”.

O outro item foi uma camisa irmã da que eu usei no Evento em Bad Camberg, realizado em junho de 2015, onde comemorei o Vigésimo Dia Mundial do Fusca. Para marcar este fato eu usei durante a palestra a minha camisa para que os que ainda não tinham visto pudessem conferir o logotipo do Clube do Fusca de Poços de Caldas estampado no ombro esquerdo da camisa.

Encerrada esta parte, passei para a palestra que foi a parte cultural do evento, com a apresentação de uma parte da história que muitos ainda não tinham ouvido falar, em especial a primeira parte que fala sobre os trabalhos de Porsche em busca de um veículo leve de transporte com a mecânica do Fusca.

AG-25-Foto-18

Vista da palestra em curso mostrando as cadeiras dispostas em semicírculo e a audiência lotando a sala

No final da palestra fomos agraciados com presentes, que foram entregues pelo Michel Esteves, à esquerda, e o Cleiton Aparecido Domingues, em pacotes lindamente embrulhados:

AG-25-Foto-60

Aqui o Michel Esteves e o Cleiton Aparecido Domingues trazem os presentes que o Clube nos obsequiou

Os presentes foram uma linda peça de cristal e uma camisa nova do clube e um “Fusca feito de côco”.

Seguiu-se um sorteio de brindes para os participantes da reunião e um coquetel. O papo animado continuou por um bom tempo.

AG-25-Foto-21

O Cleiton faz uma das muitas entregas de brindes sorteados para os presentes, no caso o agraciado foi o Dalmo Brunório; as senhas para o sorteio estavam dentro do boné

Eu não poderia deixar de destacar estes dois irmãos, Fuscamaníacos, que simplesmente ao acordar engatam um sorriso contagiante que os acompanha durante o dia todo:

AG-25-Foto-39

Eu sei que no meio está o Ideraldo Cruz, mas confesso que para descobrir quem é o Daniel Fontes ou o Leonardo Fontes, acho que tenho que pedir ajuda aos universitários…

No domingo, dia 24 de janeiro, foi realizada a segunda parte do programa de festividades pelo Dia Nacional do Fusca de 2016, com um encontro realizado na Praça José Affonso Junqueira, atrás do Hotel Palace.  Apesar de todas as ameaças da meteorologia a manhã foi radiante, o que confirma que São Pedro anda de Fusca no céu com toda a certeza…

Conforme descrito no cartaz do evento, na barraca da Família Fusca Poços havia o “Espaço Alexander Gromow”, onde eu pude fazer contato com o pessoal. Também foram atendidos aqueles que estavam querendo o meu primeiro livro.

AG-25-Foto-22

Encontro com amigos no “Espaço Alexander Gromow”, da esquerda para a direita: César De Marco, eu, Mario e Adenauser Silva.; recebi várias visitas neste espaço

A Família Fusca Poços é muito unida e as esposas acompanham os maridos nas atividades do Clube, mas no sábado elas tomaram uma decisão estratégica. Apesar de terem vontade de participar desta parte da programação, elas ficaram em casa para deixar espaço para o pessoal poder aproveitar a palestra, visto que o espaço disponível na sede é limitado. Mas no domingo todas estavam lá no encontro.

AG-25-Foto-56

Da esquerda para a direita: Lucy Silva, esposa do José Adenauser, Ana Alice de Souza, esposa do Mário, Silvia Elena Campos Cruz e Priscila Campos Cruz, esposa e filha do Ideraldo Cruz

Um momento especial foi quando o César De Marco pediu que eu autografasse o capô de seu Fusca convertido para conversível pela Sulan — um pedido até então inusitado para mim.

Do ponto central, onde estava instalada a barraca da Família Fusca Poços, tinha-se vista para três direções onde os carros estavam dispostos, dando uma visão do grande comparecimento de carros. As fotos mostram a ocupação destas ruas, um total de 150 carros abrilhantaram o evento. Vieram carros de Alfenas, Andradas, Araruama, Bandeira do Sul, Belo Horizonte, Botelhos, Caldas, Campestre, Campinas, Conceição das Pedras, Conceição dos Ouros, Divinolândia, Guaranésia, Ipuiuna, Limeira, Mogi Guaçu, Paulínia, Pirassununga, Pouso Alegre, Rio de Janeiro, São João da Boa Vista, São José do Rio Pardo, São Paulo e Grande São Paulo, Santa Rita de Caldas, Santa Rosa do Viterbo, Varginha e outras.

Uma visita importante para o evento foi a do vice-prefeito de Poços de Calda, Nizar El-Khatib, que tem prestigiado todos os eventos da Família Fusca Poços e veio cumprimentar os amigos.

AG-25-Foto-30

Da esquerda para a direita: José Luiz Batagini, Cid, César De Marco, Paulo Mota, Ricardo Figueiredo, Cleiton Aparecido Domingues, Ideraldo Cruz e o vice prefeito Nizar El-Khatib

O evento do Fusca Poços também ofereceu espaço para um interessante Mercado das Pulgas que incluiu uma interessante barraca de caricaturas; sem esquecer da barraca de gostosuras típicas da região.

Uma das características que distingue o Clube do Fusca de Poços de Caldas, e que certamente ajudou à sua eleição como Clube de Carro Antigo do Ano em 2012 na eleição em nível nacional organizada pelo VI ABC Old Cars, são as suas campanhas de filantropia, e neste Dia Nacional do Fusca de 2016 não foi diferente, com a coleta de alimentos não perecíveis doados pelos participantes expositores.

AG-25-Foto-66

Logo na entrada do evento um caminhão esperava pelas doações de alimentos; da esquerda para a direita: Gabriel, Gustavo Barbosa – secretário do Clube, Cleiton Aparecido Domingues – presidente e Tiago Prata – diretor social

Para fechar a presença de todos os diretores do Clube nesta matéria, ai está o João Maurício, diretor técnico, que compareceu no evento do domingo com seu conversível azul, feito na Trocar em Campinas, socializando com o Ideraldo Cruz, ex-presidente.

AG-25-Foto-69

O Ideraldo, à esquerda e o João Maurício

 

Dentre os participantes do evento duas pessoas chamaram a minha atenção: pai e filha com grandes logotipos VW pendurados no pescoço e aparentando estarem muito alegres entre todos aquele Fusquinhas. Tratava-se do Walmir Roberto, mais conhecido como “Melancia”, presidente do Grupo de Fuscas: “Nóis Adora Fusca”. Para encontrá-lo no Facebook basta escrever: “Melancia Lindão Fusca”.

AG-25-Foto-31

Walmir Roberto, mais conhecido como “Melancia” e sua filha, ambos paramentados com o uniforme do grupo “Nóis Adora Fusca” de Paulínia e o logotipo VW dependurado no pescoço

Ele e sua filha vieram com seu “Herbie – New Beetle” da cidade paulista de Paulínia.

AG-25-Foto-32

O New Beetle prateado com as “insígnias” do Herbie, um resultado interessante

O Melancia seguramente é uma pessoa folclórica no meio Fuscamaniaco e que ostenta, além do logotipo VW dependurado no pescoço, uma grande quantidade de tatuagens por todo o corpo, obviamente todas de alguma forma ligadas ao Fusca. Só isto já é uma grande curiosidade!

Além de Fuscas, o evento abriu as portas para convidados, caso deste raro Gurgel Moto Machine, um dos poucos exemplares remanescentes em excelentes condições de conservação. Este exemplar pertence à coleção de veículos Gurgel de José Adenauser Silva.

A maioria dos carros participantes deste evento era Fusca, mas outros representantes da Família Volkswagen se fizeram presentes, sem esquecer os convidados.

Um cabriolé original, ano 1954, que veio de Belo Horizonte para o evento, chamou a atenção de todos. Este carro veio recentemente da Califórnia, EUA.

AG-25-Foto-57

A restauração feita neste carro nos EUA foi muito boa e um cabriolé é o sonho de consumo de muitos Fuscamaníacos

Muitas vezes eventos como estes são a oportunidade de se tirar alguma fotos curiosas, outra com um aspecto mais emocional, e “tudo junto e misturado”. Como é a foto que se segue, do carro e dos pets da Andréia Leandro Pereira que adora os seus quatro cãezinhos da raça Maltês e seu Fusca convertido para conversível. A Andréia é uma das mecenas do Clube através do patrocínio oferecido pelo Posto Pampa, além de ser Fuscamaníaca convicta.

AG-25-Foto-59

Pois foi assim que este fim de semana, dedicado ao Dia Nacional do Fusca, passou e certamente ficou gravado na memória de todos que participaram das atividades. Um programa que também se preocupou com a parte cultural, através da palestra e não deixou a parte filantrópica de lado, com o recolhimento de alimentos não perecíveis para posterior entrega a entidades de benemerência.

Fico com boas lembranças deste fim de semana tão especial e aproveito para registrar o meu agradecimento aos organizadores e amigos do Clube do Fusca de Poços de Caldas.

Aqui cabe também um agradecimento à Volkswagen do Brasil, que me ofereceu uma Space Cross  I-Motion com todos os opcionais para um test-drive incluindo a viagem a Poços de Caldas. Um excelente veículo que demonstrou suas qualidades numa viagem confortável e segura.

AG-25-Foto-58

A VW Space Cross I-Motion com que viajei

Como ponto final desta matéria apresento a reportagem feita pela TV Plan de Poços de Caldas sobre o encontro de Fuscas no domingo:

Fotos de: Ideraldo Cruz, Marcelo Baroso, César De Marco, Martin Santoro, Alexander Gromow e da internet.

AG

A coluna “Falando de Fusca” é de total responsabilidade do seu autor e não reflete necessariamente a opinião do AUTOentusiastas.

 



  • Caro Leo-RJ,
    Foi o que posso chamar de “Fim de Semana muito abençoado”, tudo conspirou para que os itens do evento seguissem a cuidadosa programação. No sábado à noitinha choveu, mas o evento era em área coberta (você notou o detalhe das esposas ficando em casa para deixar espaço para a audiência da palestra?) e no domingo pela manhã o sol saiu, era aquele “sol de chuva ardido” mas p tempo se segurou até à tardinha novamente. Já na segunda-feira choveu pela manhã – o que teria atrapalhado muito se tivesse ocorrido no domingo…
    Fui muito bem tratado e só posso reiterar a minha gratidão pelo tratamento que recebi.
    É uma grande verdade o Fusca Poços é uma querida família, gente que soma!!!
    O meu “Espaço” foi muito bacana, e de lá se via o movimento todo do evento, das pessoas curtindo os carro e a atmosfera, bem como foi a possibilidade de bater papo com as pessoas.
    Mais um evento para guardar com carinho no coração e na memória!
    Muito obrigado por seu gentil comentário e um grande abraço!

  • Salve Mr.Car, bacana receber seu comentário!
    A catástrofe em Poços de Caldas foi devastadora, quando eu estava chegando na sexta-feira, ainda testemunhei várias garagens subterrâneas ainda com água sendo bombeada. Vi uma pick-up sendo retirada de uma delas com marca de lama no teto! Chuva forte tem por lá de vez em quando, mas esta enxurrada foi a maior registrada até então.
    Não chegou a ter o coral que você citou, mas teve muito abraço, muito papo gostosa, muitas fotos, tudo para a minha grande alegria; contando que eu acredito que este tipo de reação doas amigos e admiradores é resultado de um trabalho de muitos anos e para o qual ainda tenho “ganas” de continuar…
    Saudações resfriadas a ar!!!

    • Fórmula Finesse

      Seria uma honra ter minha Kombi autografada pelo sire Alexander, mesmo sendo uma herética versão arrefecida à água – rsrsrsr

      • A Kombi tem uma “licença especial”, caro Fórmula Finesse…
        Para mim o formato da Kombi é com motor traseiro, portanto a T3 ainda é Kombi para mim, mesmo que em uma das versões ela teve motor boxer refrigerado a água – MAS NA TRASEIRA!!! Já as T4 em diante, com motor dianteiro não têm nada a ver…
        Portanto, mesmo sendo considerada pela VAG como sendo uma série especial, a sua T2 com motor em linha resfriada a água, está valendo!!!
        É só combinar quando e onde!!!

  • Roberto Eduardo Santonini Ceco

    Alexander, que bacana o evento e sua presença.
    Um amigo do FFB foi e gostou bastante (inclusive tirou foto com você, que inveja!) do evento e da quantidade e qualidade de Fuscas expostos.
    Espero um dia poder ir a esse encontro, visto a qualidade do Clube e a beleza da cidade e também espero um dia poder conhecê-lo pessoalmente e aproveitar para pegar algumas dicas sobre meu 96!

    Parabéns e obrigado pela sempre ótima coluna!

  • Ideraldo Cruz

    Caro Gromow, é difícil achar palavras para dizer sobre o evento e sua presença entre nós! Primeiro, grato pela sua extrema gentileza e carinho com todos por aqui. Isso faz de você o alemão mais brasileiro que conheço. Segundo, este evento em particular, que a princípio seria só um café da manhã, tornou-se uma prévia do que seria um encontro de Fuscas aqui em Poços. Ou seja, um trabalho feito com carinho tem tudo pára dar certo, concorda? O clube está se modificando, e, a meu ver, está voltando às origens, com um toque a mais de gentileza e carinho por parte dos integrantes. Queira Deus que consigamos galgar um degrau a mais na esperança de agregar mais amigos, como aconteceu nesse último evento. Culpa sua e de todos os integrantes do clube, que já não tem a visão sobre o carro, mas sobre as pessoas que os dirigem. Clube ou família? Cada um tem a resposta. Eu sei qual é a sua e qual é a minha! Parabéns à diretoria e parabéns a você, amado mestre! O que você escreveu na dedicatória do meu livro em 2011 fez e faz efeito até hoje. Quem que ouvir, que ouça, porque o chamado a ser feliz foi proferido em alto e bom som. Grato pelo carinho e afeição!

  • Salve Carlos A.,
    O Clube do Fusca de Poços de Caldas se destaca por vários aspectos, tanto que em 2012 foi eleito Clube de Carros Antigos do Ano, mais do que merecidamente. A condição de estar numa cidade como Poços de Caldas ajuda muito à esta conotação de Família. Além de seu um Clube organizado, declarado por unanimidade dos vereadores da cidade como entidade de interesse público da municipalidade, de ter uma “biografia” pontilhada de atividades de benemerência e de conscientização ecológica e de ser um entusiasmado catalisador de preservacionismo de carros VW. Há muito que se pode ressaltar sobre este Clube, vale à pena conhecê-lo.
    É verdade, caro Carlos, fui muito bem tratado e sou grato por isto.
    Agradeço a seu gentil comentário!

  • Obrigado Fernando,
    Apesar da forte conotação pessoal eu decidi dividir como foi este fim de semana em Poços de calda também para manter e incentivar, se necessário, a motivação de todos os clubes para este tipo de atividade, com ênfase para a parte cultural, que neste caso foi a palestra.
    Aliás é sempre bom lembrar que a minha atividade como palestrante em assuntos VW começou por inciativa do amigo Magno Costa que me convidou para palestrar em Tiradentes, MG, e que de uma participação se multiplicou em quatro sempre no contexto dos ClassicFusca que ele e o Tomas Cavalcanti organizaram…
    Agradeço pela parte que me toca…

  • Cris Doneles,
    essa mesmo.