Acabou de ser noticiado: esse miserável  irresponsável da foto, o prefeito de São Paulo, determinou o fechamento da Av. Paulista aos domingos a partir do próximo (18), deixando o cartão postal da cidade de São Paulo aberto para pedestres e ciclistas somente. A notícia foi repercutida hoje pelo portal UOL a partir de informação gerada pela Prefeitura Municipal.

Para o AUTOentusiastas,  este ato inominável encerra uma medida puramente socialista e populista, vinda de um partido de esquerda que sabidamente está liquidando o País a passos de gigante.

Aliás, hoje mesmo a agência de risco Fitch rebaixou o rating de longo prazo do Brasil, um mês depois de S&P ter feito o mesmo. Caminhamos resolutos para o desastre.

É como se o Partido dos Trabalhadores fincasse sua nojenta bandeira, desfraldada em número incontável nos atos criminosos do MST, num patrimônio de todos os paulistanos, paulistas e brasileiros.

Lembre-se, leitor, que há 25 anos a prefeita Luiza Erundina, então do PT, tombou a mansão dos Matarazzo na av. Paulista para transformar a bela propriedade num “museu do trabalhador.” Bem coisa de PT. Mas em 2001 a justiça cancelou o tombamento.

Como ficam moradores, hospitais, shoppings, comércio, serviços públicos em geral?

 

Paulista fechada pedestres

A idiotice exacerbada: se há ciclovia, para quê utilizar o leito carroçável para veículos? E misturar bicicletas e pedestres foge à mais elementar e representa enorme perigo lógica (foto diariodolitoral.comb.br)

E como ficam as linhas de ônibus que passam pela av. Paulista? Alterar o sistema de transporte para a avenida servir de área de….lazer??? Esse cara é um completo irresponsável mesmo.

A solução estapafúrdia, segundo a nota divulgada pelo portal,  é o acesso dos moradores locais às suas residências ser garantido, tanto para sair quanto para entrar, além do acesso a todos os hospitais da região. Os moradores serão acompanhados por agentes da CET até a primeira esquina onde possa haver a conversão e terão que respeitar a velocidade máxima de 10 km/h” (nosso grifo), afirma a prefeitura em nota.

Somente carros com reduzida no câmbio conseguem trafegar a essa velocidade de praticamente um homem caminhando rápido; nos demais é impossível. A 20 km/h já é difícil.

E tudo isso para quê? A cidade tem parques magníficos para o lazer, como o Ibirapuera, o Villa Lobos e o da Aclimação, para citar alguns.

A nota prossegue  dizendo que “Com relação aos hospitais, a maioria dos acessos (nosso grifo) será por ruas transversais, e no caso do Santa Catarina e do Clube Homs, haverá faixa de acesso exclusiva. A operação será planejada e sinalizada para garantir a segurança de todos que forem ao local, além da fluidez do trânsito na região”.

Quem gostará da lentidão para chegar a um hospital serão os pacientes que necessitam de atendimento urgente! É por isso que esse prefeito é um irresponsável e terá de ser responsabilizado criminalmente caso alguém venha a falecer por não ter sido atendido a tempo.

Diz ainda a nota (leia-a completa) que o Ministério Público do Estadual era contra o fechamento total da Paulista para veículos aos domingos. A Prefeitura disse que entrou em acordo com a Promotoria.

Inicialmente, o Ministério Público alegava que um acordo firmado na gestão Gilberto Kassab (PSD) restringia o fechamento da Paulista a três vezes por ano:  Parada Gay (junho), Corrida São Silvestre (dezembro) e Révillon (dezembro).

Na semana passada, a Promotoria de Justiça de Habitação e Urbanismo propôs o fechamento parcial da via, com a abertura de uma faixa de rolagem em cada sentido para veículos e de pelo menos duas transversais em cruzamentos com a Paulista.

Além disso, o Ministério Público pediu que a Prefeitura fizesse novos testes e mais audiências públicas. A Promotoria promete divulgar uma nova nota sobre o assunto nesta quinta.

O AUTOentusiastas espera que o Ministério Público cumpra com o seu dever constitucional de defender os interesses legítimos da população, que precisa se defender desse e de outros atos tresloucados desse prefeito irresponsável. Vamos aguardar sua palavra ainda nesta quinta-feira.

Ae/BS

(96 visualizações, 1 hoje)