Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas MOPAR NATIONALS 2015 (FOTOS E VÍDEO) – Autoentusiastas

certo que o trabalho para o Ae não tem hora nem dia da semana para ser feito. É algo meio que contínuo. E é assim simplesmente porque é algo que fazemos com vontade e prazer. Mas tem dias em que a gente realmente precisa de um descanso, físico e mental.

Então eu confesso: fui ao Mopar Nationals 2015, em Águas de Lindóia, no interior de São Paulo, com o único propósito de fazer um passeio e descansar. E esse passeio não incluía esta matéria. Eu queria dar um abraço no meu amigo Marco Caccuri, do Chrysler Clube do Brasil, fazer algumas fotos descompromissadas com meu celular, e escutar uma boa música nos quase 500 km de ida e volta. Convidei apenas dois amigos que já sabem como eu sou e não atrapalhariam meus planos. Sair às 3:30 da manhã de sábado para chegar em águas de Lindóia às 6:00, com o dia amanhecendo e o sol proporcionando a luz perfeita. Assim como dirigir, criar imagens também é algo que me envolve e me abstrai do cotidiano.

Nenhum dos dois quis ou pôde ir. O único problema de ir sozinho é que quando o despertador toca dá uma vontade enorme de desistir do plano. Mas eu tinha um plano igual a esse para Encontro de Antigos de Lindóia de junho deste ano e acabei desistindo. Duas desistências na seqüência não é o meu estilo.

Uma das razões para eu não querer ir a trabalho é que para fazer uma matéria realmente bem feita eu teria que levar meu caderninho, fazer anotações e caprichar muito nas informações. Além disso captar imagens mais tradicionais, com pouca liberdade criativa. Dessas imagens que todo mundo quer ver, com carros inteiros e em vistas 3/4 de frente. Legal, eu sei fazer isso. Mas não queria. Além dos V-8 o que me atrai nos Mopar é a diversidade visual, de formas, grafismos e cores. Algo inigualável e que pode gerar imagens muito bacanas.

Cheguei lá dentro do programado, curti muito minha terapia, e lá pelas 11:00 da manhã, depois de postar algumas fotos no Instagram, um leitor/seguidor disse que ficaria feliz em poder ver o evento em vídeo. E como eu disse, eu não estava preparado para trabalhar…  Mas o dever me chamou e eu resolvi captar algumas imagens, com o smartphone mesmo, sem muita frescura. E por alguma razão que ainda não descobri, todo o material em vídeo ficou sem som. Uma pena, pois os V-8 sem som não têm tanta graça. E já que captei o material em vídeo acabei me animando para pegar a minha Nikon e fazer uma fotos mais tradicionais. O dever foi cumprido!

 

Para não dizer que não apresentei nenhum dado sobre o evento, vou dar o destaque para os dois carros que mais me impressionaram. E não achem que são Chargers ou Challengers. Esses dois estão sempre presentes nesses eventos. São maravilhosos! Mas por serem algo muito diferente, e não necessariamente bonitos, eu adorei mesmo o exclusivíssimo Chrysler Imperial FS (Frank Sinatra Edition) e seu desenho totalmente único, e o enorme Chrysler 300 esverdeado, com capota e interior brancos.  Por favor, não me perguntem muito mais sobre esses carros, pois dessa vez me contentei em guardar apenas as sensações que eles me passaram. E para fechar, entre os usáveis, eu adorei um Dart branco quatro-portas bem original e discreto.

Bem, as vezes fazemos o que é possível, e assim este foi um post bem sincero e simples, dedicado ao amigo Caccuri! E como dizem os moparmaníacos: Mopar, or no car!

Vejam o vídeo e mais abaixo duas galerias, a mais tradicional e a estilo PK.

PK

 

 

 



Sobre o Autor

Paulo Keller
Editor Geral

Engenheiro mecânico com pós-graduação em marketing e administração de negócios iniciou um grupo de discussão sobre o mundo do automóvel no final dos anos 90. Em 2008 percebeu que a riqueza do conteúdo desse grupo não deveria ser restrita aos seus integrantes e então criou o blog AUTOentusiastas. Seus posts são enriquecidos com belas fotos que ajudam a transmitir sua emoção e sensibilidade. Além de formatar e manter as mídias sociais do site. Visite: www.paulokeller.tumblr.com.

  • Lemming®

    Para quem não ia tirar foto…foi foto pra caramba…hehe

  • CorsarioViajante

    Legal, quando a gente trabalha relaxado rende mais e a criatividade tem espaço para aparecer!

  • Mr. Car

    Não sei se já disse aqui, mas a Chrysler é a única marca da qual poderiam me acusar de ser um fanboy, he, he! Que belo passeio! E Keller, quando seus amigos te deixarem na mão, me convide: juro que não vou te atrapalhar, e que sigo todas as suas regras, he, he! E claro, na foto do Chrysler Imperial FS, não pude deixar de notar os dois exemplares do meu querido Dodge Polara, bem como os do filme, carrinhos pelos quais até mesmo os fãs da Chrysler (ou ao menos a grande maioria deles) parecem dedicar um solene desprezo. Ainda no filme, dois de meus nacionais preferidos: o Le Baron, e o Gran Coupé.
    Abraço.
    Para pensar: “Nem dez parelhas de bois nos puxam com a força com que o fazem os cabelos de uma mulher”. (Henry Wadsworth Longfellow)
    Para ouvir (Youtube): “Frank Sinatra – I’ve got you under my skin”

    • Realmente os Polara acabam sendo ofuscados pelos muscle e ponny cars. Não tem jeito. Mas eles são igualmente amados pelos seus donos. Por isso eu fiz questão de incluir imagens no vídeo. E essa música, eu adoro! Imagine quem comprou esse carro no auge do Frank Sinatra. O carro é muito esquisito em si, mas por isso é muito bacana! Abraço

    • Lorenzo Frigerio

      O Frank Sinatra combina bem com aquele LeBaron prata. Já guiei um com “Strangers in The Night” tocando.

    • Cristiano Reis

      Gosto muito de Fly me to the moon, principalmente na versão do Mule Train. Skazinho top!

  • Silvio

    PK, ótimas fotos na galeria ao estilo PK

    Uma pergunta, vc trata as imagens depois, com calma, ou sai na hora mesmo, aplicando filtros, mexendo em saturação, brilho, etc?

  • André Andrews

    Essa região vale a pena ir só pela guiada. Sobretudo o trecho entre Amparo e Serra Negra; Lindóia a Socorro; e entre Monte Sião a Ouro Fino, este o melhor deles, pelas curvas de alta.

    • Tô achando que tomei uma ou duas multas. Não por abuso. Ou melhor, por abuso de que coloca os radares!

      • André Andrews

        Acho que o único trecho sem eles é no rodoviário entre Monte Sião e Ouro Fino. De dois anos pra cá – sobretudo depois do recapeamento – infestaram de câmeras.

      • Você não é o único, por lá cada cidadezinha fatura com os eventos de Lindóia, deve dar picos na arrecadação…
        E se o caminho fosse confortável, mas não é!

        • Milton Evaristo

          Ah vá! Vindo por Bragança ou por Amparo aquelas curvinhas são parte da diversão.

      • Elvys

        Aquele radar entre Lindóia e Águas de Lindóia é um perigo!!!

    • jrgarde

      Região muito divertida mesmo para guiar! Bom, pelo menos era antes da radarização indiscriminada.
      Naquele pedaço entre Amaparo e Serra Negra já me diverti muito, inclusive com sogro e sogra no carro!rs

  • Alfonso Gonzalez

    Estava presente e achei sua matéria top!!! parabéns. Fotos Muito bacanas

  • Juvenal Jorge

    Carros e fotos no mesmo padrão, indo de de ótimo a magnífico. Parabéns pela matéria Paulo.

  • Felipe Lima

    Bela matéria PK! Mesmo sendo curtinha, mas feito com o mesmo entusiasmo de sempre!

    Passeio interessante que ainda está no meu radar, nunca fui a Águas Lindóia nesses eventos.

    PK, uma curiosidade. Qual aplicativo você usa na foto de abertura do post?

  • RoadV8Runner

    PK,
    E quem disse que toda boa postagem necessita de textos recheados de dados técnicos? Um encontro como esse, onde existem modelos de todos os tipos, belas imagens como as “descompromissadas” (imagino se fossem para ser elaboradas!) que você fez são ótimas para ver o que havia por lá.
    Abraço!

    • Obrigado. A ideia era essa mesmo. Abraço!

      • Cristiano Reis

        Concordo com o Road, eu sempre gosto mais dos textos do AE quando contam alguma história curiosa do modelo, algo interessante sobre os bastidores da impressa ou fábrica em relação ao carro, coisas desse tipo, tanto que um dos textos que mais gostei foi a postagem sobre os Saab 9000 que rodaram 100.000km de uma vez. Os dados técnicos dos veículos estão muito parecidos ultimamente.

  • No capricho + sem pretensão – pressão = MUITO BOM
    Gostei!
    Saudades de meu “Baleia Branca” – Charger RT branco e preto…

  • Lorenzo Frigerio

    Meu favorito aí é o R/T 72 azul metálico. Esse fecha o comércio por onde passa. Vê-se que está com aro 15; ficou bom.

  • Conheço aquele adesivo, da foto 66 😉 E… Que MARAVILHOSO o ‘Cuda da foto 63!

  • RoadV8Runner

    Não que eu não goste de textos técnicos (gosto muito, aliás, o Ae os faz como ninguém), mas cada assunto pode ser abordado de diversas maneiras, cada um com suas qualidades. Isso é o que agrada bastante aqui no Ae, ter uma variedade de informação impressionante!

  • Bruno

    Meu segundo sonho eterno de consumo… Charger R/T… O primeiro sonho é o mesmo carro, só que americano… e o terceiro é o Challenger….
    O que me deixa triste é que aqui nesse país/buraco sem fundo comprar, restaurar e manter um bicho desses leva uma fábula de dinheiro tão grande que resume o antigomobilista à uma esparsa elite. Enquanto lá fora você consegue uma belezura antiga em ótimo estado e muitas vezes já restaurada na faixa de 20 mil doletas. Claro que tem as fábulas também, mas afinal, sociedade justa a meu ver é isso, todos terem acesso as mesmas coisas, e o que a renda diferencia é o tipo que você tem de determinado bem…. Desculpem pelo desabafo!

  • Fernando

    Belíssimo trabalho(isso que foi sem essa pretensão), como faz sempre, PK!

  • Diplo86

    Show de carros e fotos! Fica uma sugestão: o Aé poderia ter uma agenda divulgando antecipadamente estes eventos e quem sabe até um local de ponto de encontro com os editores que estarão presentes.

  • pkorn

    Possuo um Dodge contemporâneo (Journey R/T), gostaria de ir no próximo evento, como posso seguir esse grupo, tem site ou email deles? Agradeço a atenção.

  • Georges Dafas

    Parabéns pelas fotos e pela matéria. Gostaria de lembrar que a turma dos Dodginhos também estava lá (eram 10 carros). Apesar de aparecer rapidamente no vídeo, poderia ter ao menos uma foto da gente para registro….. Fica a sugestão. 😉

  • Leonardo Mendes

    Dart branco da foto 72 de 136… deixei os olhos ali e não peguei de volta até agora.

  • Alexandre Ls Rabelo Rabelo

    Parabens pelas fotos.

  • CCN-1410

    Todas fotos são fantásticas.
    Fico com a foto 15/89 de 136.

  • pkorn
    Entre no Google com Clube do Dodge que surgem várias informações.