Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas Autoentusiastas FORD, 50 ANOS DEPOIS, VOLTARÁ A LE MANS – Autoentusiastas

FORD, 50 ANOS DEPOIS, VOLTARÁ A LE MANS

Ford confirmou que inscreverá 4 carros nas 24 de Le Mans de 2016 (fot Ford)

Ford confirmou que inscreverá 4 carros na 24 de Le Mans de 2016 (foto Ford)

Meio século após a antológica vitória na 24 Horas de Le Mans de 1966, a Ford voltará a disputar a clássica prova de resistência em solo francês com a nova versão do Ford GT. O anúncio foi feito hoje, véspera da largada da edição de 2015 e não chegou a surpreender, uma vez que o assunto já era bastante comentado. A equipe de quatro carros será gerenciada por Chip Ganassi e seu sócio de longa data Félix Sabates, cubano radicado nos EUA há muito tempo.

Ainda não foram anunciados s pilotos que participarão do programa que tem por meta divulgar a tecnologia EcoBoost do motor V-6 de 3,5 litros e a utilização de materiais compósitos e aerodinâmica de ponta. Além da CGRFS (Chip Ganassis Racing with Felix Sabates), são parceiros técnicos da Ford nesse projeto marcas as empresas Multimatic Motorsports, Roush Yates Engines, Castrol, Michelin, Forza Motorsport, Sparco e Brembo.

O programa Le Mans será desenvolvido em paralelo com a participação no Campeonato Mundial de Resistência (WEC) e no Tudor United Sportscar Championship. A estréia do Ford GT nas pistas foi confirmada para a 24 Horas de Daytona de 2016.

Veja o vídeo que registra o anúncio do Ford GT nas pistas clicando aqui: preste atenção à sutileza da cena final que remete à disputa da Ford e da Ferrari nos anos 1960…

WG

 



Sobre o Autor

Wagner Gonzalez
Coluna: Conversa de Pista

Jornalista especializado em automobilismo de competição, acompanhou mais de 300 grandes prêmios de F-1 em quase duas décadas vivendo na Europa. Lá, trabalhou para a BBC World Service, O Estado de S. Paulo, Sport Nippon, Telefe TV, Zero Hora, além de ter atuado na Comissão de Imprensa da FIA. É a mais recente adição ao quadro de colunistas do AUTOentusiastas.

  • REAL POWER

    Tenho grande apreciação pela Ford, justamente pelo fato de participar de praticamente todo tipo de competição, seja com seus carros ou motores. Acho que é a única fábrica que venceu onde quer que tenha corrido. Me corrijam se eu estiver enganado.
    Já o novo Ford GT, creio que nasceu para este fim, voltar a vencer em Le Mans.

  • RoadV8Runner

    De arrepiar o vídeo! Gostei muito do clássico GT40 ir tomando as formas do novo Ford GT. E a sutileza da cena final é simplesmente magistral, verdadeira obra de arte.

    • jordan sobral

      Saiu uma lagrima no fim do vídeo….

  • Félix

    Se beleza ganhasse corrida esse seria um dos favoritos. Tomara que honre seu passado!

  • Félix,
    É mesmo muito bonito. Como se destaca dos carros estranhos de hoje.

  • RoadV8Runner
    Sutileza incrível mesmo, e mata dois coelhos de uma só cajadada, Ferrari com seu cavalinho rampante e Porsche com sua égua empinada.

  • Thiago Teixeira

    Uma coisa que sempre reparei nos GTs 04 eram (ainda é) a facilidade de anabolizar o motor. Tem preparação de até 1.100 cv paro V-8 5.0.
    Acredito que esse EcoBoost turbo não vá permitir tantas variantes.

  • Antonio Filho

    O carro é estonteante ! Mas como esse motor V6 esta sendo xingado por estar nesse carro pelo mundo a fora não é brincadeira, a maioria purista dos Ford em quase unanimidade diz que Ford de alta performance e pedigree é e sempre será V8, se não for, não é um Ford.Engraçado que apesar dos predicados deste motor, também concordo que deveria ser um V-8…

    • Antonio Filho
      Olhe que o motor do Porsche 919 Hybrid é um V-4 1.500…

      • Antonio Filho

        Verdade Bob ! Mas convenhamos que a alma de certas marcas é o seu negocio, e o consumidor/entusiasta da marca torce o nariz feio para esse motor nesse carro, não tem jeito ! pode vir com 1.500 cv e fazer 100 km/l mas não é V-8…

    • REAL POWER

      Esse V-6 não deve nada a um V-8. Venho acompanhando o desenvolvimento desse motor par uso em competição e vou te dizer, tem feito bonito. A Ford vem usando ele nos EUA nas provas de Endurance praticamente original. Sem fazer uso de peças especiais. A maior alteração é a desativação do sistema de geometria variável dos comandos de válvulas, pois o sistema original foi projetado para permitir torque abundante deste as baixas rotações, como em praticamente todo motor turbo moderno. Num carro de rua ter torque máximo a partir de 1.500 rpmé fantástico, mas num carro de corrida não. Assim os engenheiros travaram o sistema e fizeram um enquadramento fixo dos comandos originais visando deslocar o torque para rotações médias e altas, onde mais interessa num motor de competição. Com um novo acerto do sistema de injeção o motor mostrou toda sua força com grande durabilidade. Par Le Mans 2016, pode ter certeza que este motor vai ser ainda mais evoluído, com muita potência e alta durabilidade. São os novos tempos. Abraços.

      • Antonio Filho

        Sim, este motor já se mostrou mais que capaz de ter seu direito ao hall da fama !

        Mas a questão é sempre a tradição, pois a identidade que gira em certos mercados, principalmente o americano ou o europeu para algumas marcas, é algo que deve sempre ser mantido, faz parte da alma e do que os consumidores e entusiastas querem.

        A Ford neste carro errou feio, sim! Poderia fazer um V-8 totalmente diferente e moderno, pequeno, sei lá…mas tem que ser V-8 neste carro ! Imaginem uma Ferrari topo de linha mas com um V-6 ou um V-4 no lugar do seu eterno V-12 ? Isso iria dar até morte…

    • Cadu

      Saudosismo e purismo não ganham corridas!

  • Antonio Filho
    Morro sem entender: qual é a magia do motor V-8 afinal? Não é só você nessa, mas muita gente. Seria mero atavismo por a Ford ter lançado o Flathead V-8 em 1932? O motor V-8 é apenas um 8-cilindros mais curto que um 8-em-linha, ocupa menos espaço. O Mercedes W125 de Grand Prix, de antes da II Guerra Mundial, tinha motor de 8 cilindros em linha de 5.662 cm³ com compressor que desenvolvia 595 cv e não tinha nenhum problema, ganhou incontáveis corridas. Sinceramente, não vejo motor V-8 como atributo.

  • Maurício Redaelli

    Será que esse vem com ronco bonito?