A PROPAGANDA É A ALMA DO NEGÓCIO

propaganda ferrari (g1.globo.com)

Beldades sul-coreanas apresentando o supercarro Ferrari 599 GTB Fiorano em Seul (g1.globo.com)

De nada adianta você ser um bom profissional e ninguém saber disso. Conheci vários casos de engenheiros medíocres que souberam “vender o peixe” e hoje ocupam os altos escalões das empresas e vice-versa, ótimos engenheiros que ficaram estagnados em suas carreiras, por falta de habilidade em auto-promoção.

Propaganda é um modo de apresentar informação sobre um produto, marca ou empresa de maneira a influenciar a atitude de uma audiência para uma causa, posição ou atuação específica.

O difícil é diferenciar a propaganda legítima de uma propaganda enganosa, que induz o consumidor a um erro, mostrando características e vantagens que o produto não tem, portanto é falso.

Informar preços anunciados mais baixos do que a realidade  exibida na imagem em letras miúdas, quase invisíveis, é um exemplo de propaganda enganosa que deixa o leitor passar batido, se deixando enganar.

 

propaganda enganosa

Propaganda enganosa: letrinhas miúdas (economia.uol.com.br)

O Código de Defesa do Consumidor determina que “a informação deve ser clara,  imediata, de fácil compreensão”

Publicidade é o ramo de atividade (que engloba a propaganda) para a divulgação de produtos, serviços e idéias junto ao público, de maneira a honestamente induzi-lo a uma atitude favorável. É a parte técnica da arte da comunicação.

A publicidade ajuda a identificar o significado e o papel dos produtos, fornecendo informações claras sobre marcas, companhias e organizações.

A publicidade bem feita ajuda a vender um produto e a construir  a reputação de uma marca e/ou empresa, funcionando através de três mecanismos: atenção, memorização e persuasão.

Já dizia o velho patrão  Henry Ford, valorizando os gastos com a publicidade – “Sei que metade da publicidade que faço é inútil, porém não sei discernir qual é a metade útil”

 

237797

“Presente duradouro para a família” diz tudo em uma simples frase

 

sedan68_01

Eficiente anúncio da VW mostrando como o leitor é induzido a ler o texto que mostra as qualidades do Fusca

A propaganda às vezes pode causar mais mal do que bem. Um bom exemplo foi a propaganda que tinha como objetivo salientar a boa capacidade volumétrica do Ford Figo na Índia e que virou uma polêmica interminável que ao invés de atuar a favor, atuou contra a empresa.

A unidade da Ford na Índia publicou nota pedindo desculpas pelo vazamento de propaganda na internet antes de sua aprovação. “Nós lamentamos profundamente e concordamos com os nossos parceiros de publicidade que isto não deveria ter acontecido. O anúncio em questão é contrário aos padrões de profissionalismo e decência da Ford e de seus parceiros”.

A agência JWT de Nova Deli criou a campanha que vazou para a web sem conhecimento oficial da Ford. Mesmo que o anúncio não tenha sido publicado na mídia paga, o seu vazamento na internet foi suficiente para causar um grande dano.

 

publicidade ford figo

Vazamento de propaganda polêmica que causou mais mal do que bem (carplace.uol.com.br)

Interessante como a propaganda do Ford Galaxie abordando o mesmo tema de promover o tamanho do porta-malas foi bem aceita, mesmo mostrando uma moça amarrada no enorme espaço interno… Outros tempos!

 

1229426497873_f

Propaganda do Galaxie vinculada  na mídia, mostrando uma mocinha sendo seqûestrada dentro do enorme porta-malas

Outra ferramenta poderosa para valorização do produto é o slogan, que nada mais é que uma frase de efeito de fácil memorização e que resume as características de um produto, serviço ou pessoas e cumprem papel importante para a fixação da imagem da marca

Os slogans geralmente refletem o conceito de uma marca, mas muitas vezes, deixam marcas em um conceito.

Temos vários bons exemplos de slogans que marcaram nossa indústria automobilística.

– Volkswagen, a marca que conhece o nosso chão
– Volkswagen, o bom senso sobre rodas
– Volkswagen, o bom senso em automóveis
– Volkswagen, qualidade e tecnologia do líder
– Volkswagen Gol, use sem dó
– Volkswagen, você conhece, você confia
– Volkswagen Passat, muito prazer!
– Ford, um passo à frente
– Pense forte, pense Ford
– Ford, fazendo o seu caminho melhor
– Deixe um Ford surpreender você
– Ford, viva o novo
– Chevrolet, conte comigo
– Opala, leve tudo na esportiva
– Fiat, movidos pela paixão

Eu tenho um carinho especial pelo slogan “Pense Forte, Pense Ford” , criado por mim nos idos de 1977 através de uma pesquisa interna de que eu participei. Que felicidade e orgulho ver o meu slogan estampado em todos os pára-choques dos caminhões Ford na época.

 

pense forte pense ford

Belíssima propaganda do caminhão Ford onde a imagem vale mais que mil palavras

 

As fabricas estão cada vez mais adotando slogans mundiais, prática que eu particularmente não gosto

– Das Auto (VW)
– Go Further (Ford)
– Power, Beauty & Soul (Aston Martin)
– Citroën, creative technologie
– Hyundai, new thinking, new possibilities
– Honda the power of dreams
– Land Rover, above & beyond
– Peugeot, motion & emotion
– Nissan, inovation that excites
– Chevrolet, find new roads

As propagandas devem ser facilmente entendidas sem que o leitor e/ou o ouvinte tenha que ficar pensando no significado da mesma, tentando interpretá-la. A mensagem deve ser facilmente absorvida para que o seu resultado seja imediato e o melhor possível.

Propagandas elitizadas e que parecem direcionadas especialmente aos membros da Academia Brasileira de Letras devem ser evitadas.

Seguem alguns exemplos de boa propaganda:

 

vw1

vw2

 

vw3

f4

 

f3

 

porsche_macan_world_premiere_134_big

Imagem que vale mais que 1.000.000 de palavras, como a da tenista russa Maria Sharapova, 27 anos, 1,88 m de altura, embaixadora da Porsche, por ocasião do lançamento do Macan em novembro de 2013 no Salão de Los Angeles, com outro, simultâneo, no Salão de Tóquio

Importante ressaltar que o departamento de propaganda e marketing tem fundamental importância em gerenciar a comunicação interna da empresa, criar ações para melhorar a satisfação dos consumidores, cuidar da imagem da marca, garantir boa reputação e evitar perder novos clientes. Marketing tem muita força em suas atribuições para definição de novos produtos para um determinado mercado.

Muitos empreendedores se preocupam com o gerenciamento burocrático da empresa, esquecendo de reservar parte de seus orçamentos para gerar novos negócios. Cuidar de Marketing é prover o oxigênio da empresa na visão a longo prazo, sem somente criar um comercial e/ou vender um produto.

Eu brincava falando sério que a engenharia era o primo pobre da empresa e marketing o seu primo rico

Falando de marketing, tenho aqui com os meus botões que o Ford Ka MK1 foi o veiculo mais parecido com o Fusca que eu já conheci. Seu tamanho e formato arredondado/aerodinâmico lembram o Beetle e muito.

Tenho comigo que se  o Ford Ka tivesse sido projeto VW com seu forte marketing, estaria vendendo ainda hoje como o substituto do Fusca.

Como sempre, termino esta matéria com uma homenagem

Hoje destaco a força da marca Mercedes-Benz sempre associada a veículos de qualidade

 

mercedes benz

Welcome to the world of Mercedes-Benz. You will be well cared for

 

CM

Créditos: arquivo pessoal do autor – g1.globo.com- economia.uol.com.br – exame.abril.com – carplace.uol.com.br

 

 

 

(507 visualizações, 1 hoje)