3fb00a_0947d728b95c1af4f28925cf233bbcae

Um novo chassis para um F-1 antigo

Sempre que vejo fotos e vídeos de corridas de carros antigos, principalmente na Europa, onde há um grande número de Fórmula 1 de três ou quatro décadas atrás ainda acelerando forte, um arrepio passa pela minha espinha. E se o cara bater, como arrumar isso ?

Ingenuidade minha, confesso. Esqueci que há o Primeiro Mundo!

Não sei quantas empresas fazem um serviço do tipo da R&J Simpson, mas as fotos dessa matéria são todas da empresa de Bob Simpson, um inglês que foi mecânico de equipes de F-Ford, Fórmula 2, e Fórmula-1, por onde passou pela Tyrrell, Brabham e Ensign, depois dirigiu uma equipe de Fórmula 3, a Anson, até chegar a um ponto em que o filão das corridas de antigos e a necessária manutenção desses carros se fez importante, possibilitando abrir sua empresa.

 

3fb00a_c6bdacdc852efea0e4e6189c7f69ce1d

3fb00a_4632d4a5dccdba75847411d7c8941f34

3fb00a_7106e3af685d278ae923e34aa0178332

Com isso não há o que temer caso o felizardo proprietário de uma máquina histórica dessas tenha um encontro pouco saudável.

Como nas corridas os chassis de chapa são há muitos anos sempre em alumínio, sua experiência o levou a encontrar um outro mercado, os chassis dos Aston Martin DB4, DB5 e DB6 que eram feitos predominantemente em chapa de alumínio, mas que tinham também componentes de aço. Essa união de materiais causa uma corrosão galvânica em presença de umidade, e que atinge tanto o aço quanto o alumínio. Se houver sal, caso comum de muitos países, onde ele é espalhado nas ruas para derreter o gelo, essa reação é muito acelerada.

Dessa forma, muitos Astons mais antigos tiveram sérios problemas de corrosão de suas partes estruturais, e Bob Simpson resolveu fabricar chassis completos novos para esses modelos.

Isso sem dúvida valoriza tanto os carros restaurados, que podem ter tratamentos anti-corrosão mais modernos e que são infinitamente melhores do que os existentes quando os carros forma feitos na fábrica, quanto os que nunca foram restaurados e sempre mantidos de maneira dedicada  para  fazê-los durar muito.

Além disso, os carros em estados não muito bons podem também ser tratados de outra maneira, já que sabe-se que reformas extensas podem trazê-los de novo à antiga glória. Tudo de bom portanto com essas fantásticas criações da empresa de Bob Simpson.

 

3fb00a_b723b5f226ae830ba9336b992704570d

Um assoalho de Aston Martin em fabricação

É ótimo ter aprendido mais essa !

JJ

Fotos: R&J Simpson Engineering
(106 visualizações, 1 hoje)