New Versa resende  NISSAN NEW VERSA COMEÇA A SER PRODUZIDO EM RESENDE New Versa resende

Final da linha de montagem, momentos antes de tocar o solo pela primeira vez (foto Divulgação)

A Nissan do Brasil anunciou hoje ter iniciado a produção do sedã compacto New Versa em seu Complexo Industrial de Resende, estado do Rio de Janeiro. O modelo, que será dotado de  motores 1-litro de 3 cilindros e  4 válvulas por cilindro e 1,6-litro de 4 cilindros, também de 4 válvulas por cilindro, ambos produzidos em Resende, chegará ao mercado este semestre.

O Nissan New Versa apresenta um novo desenho externo com a parte dianteira alinhada com a identidade de marca exibida por sedãs de segmento superior, como o Novo Sentra e o Altima. O interior também exibe estilo renovado, com acabamento refinado e um completo conjunto de equipamentos de conforto e entretenimento, incluindo itens que facilitam o controle dos comandos do carro, como o volante multifuncional e o Bluetooth, e sistemas avançados de conectividade, como o NissanConnect, a plataforma global da Nissan para a conectividade de aplicativos de smartphones e acesso às redes sociais.

 

New Versa robot  NISSAN NEW VERSA COMEÇA A SER PRODUZIDO EM RESENDE New Versa robot

Fase de armação da carroceria (foto Divulgação)

O New Versa, como o modelo anterior produzido na fábrica de Aguascalientes, no México, se destaca pelo espaço interno típico de um sedã médio e que se tornou referência no seu segmento.

Ae/BS

Sobre o Autor

AUTOentusiastas

Guiado por valores como paixão, qualidade, credibilidade, seriedade, diversidade e respeito aos leitores, o AUTOentusiastas desde 2008 tem a missão de evoluir e se consolidar como um dos melhores sites sobre carros do Brasil. Seja bem-vindo!

Publicações Relacionadas

  • Rafael Sumiya Tavares

    Há pouco mais de um mês proprietário de um March 1,6-L, tenho admirado muito a qualidade dos veículos Nissan! Os testes que o Bob, o PK e o Ak fizeram certamente me ajudaram na aquisição. Parabéns à Nissan por investir no Brasil num momento tão delicado.

  • Comentarista

    Será que os níveis de segurança, dos materiais, aços e soldagem vão ser iguais aos fabricados até então no México?

  • Bob Sharp

    Comentarista
    Pronto, latinenecapeiro detectado…

    • Comentarista

      Bob, vi que sua resposta foi cheia de sarcasmo. Olha, visito diariamente este blog e gosto muito tanto que já elogiei várias vezes. Mas este seu jeito de ser sabe tudo, querer ser o dono da verdade e de não respeitar a opinião dos seguidores do blog já está passando dos limites. Acredito que outros leitores já tenham falado isso.
      Não sou um zé ninguém ou mesmo apenas curioso. Tenho formação na área e já trabalhei alguns anos no ramo automobilístico. Não saio vomitando “achismos”. Já é mais que provado e mostrado que alguns carros globais vendidos aqui, aliás, fabricados aqui tem qualidade estrutural pior que o mesmo carro fabricado em pais de 1 mundo. Não estou falando sobre teste de impacto somente; estou falando em rigidez estrutural, em solidez de rodagem.
      Espero que respeite minha opinião e que pare com seus sarcasmos indesejáveis.

  • Leo-RJ

    O Versa foi um carro que me conquistou de dentro para fora (aliás, como quase todos os carros que admiro).

    Nunca liguei muito para o modelo, mas duas vezes, saindo da pós, ganhei carona de um cara que tinha o Versa. Fui no banco traseiro, e achei bons os materiais e espaço (para o tamanho do carro), bem como a condução silenciosa (o motorista era um ‘coroa’ – no bom termo da palavra -, que dirigia muito direitinho, dentro dos limites do carro).

    A partir de então passei a reparar neste modelo, e passei a admirá-lo. Acho um muito bom carro.

  • Ilbirs

    E nada de CVT no 1.6, ao menos por ora. Assim, a Nissan perdeu uma chance de ouro das boas para matar o City, ainda mais se considerarmos que o Versa é carro bem comum nas ruas e que vende pela combinação de bom preço e espaço interno.

  • Bob Sharp

    Comentarista
    Primeiro, o que respondi nada teve de sarcasmo, apenas espelhou a realidade diante da sua pergunta, que começa justamente falando em segurança. Segundo, você vem logo de início questionando um fabricante sério (o que é inadmissível no Ae), que construiu uma fábrica magnífica aqui, antes mesmo de ver o produto fabricado lá. Terceiro, nenhum leitor nesses seis anos e meio de Ae se dirigiu assim a mim. E para terminar, você não pode falar em desrespeitar sua opinião se nem o seu nome eu sei. Se eu soubesse teria lhe dado uma resposta bem diferente (procurei, mas nem no seu e-mail seu nome está). A liberdade que o Ae dá para comentar sem a pessoa se identificar é para atender aos que assim o desejam, mas não para dizerem o que querem e se esconder sob o manto de um pseudônimo. Então, caro “comentarista”, daqui para frente se você quiser respeito às suas opiniões, o mínimo que você tem a fazer é se identificar. Ou então se limitar a comentários e perguntas triviais. Ficou tudo claro?

    • Mingo

      Bob,
      Vai ver ele está imaginando que aqui no Brasil a Nissan vai colar com cuspe as chapas do carro…
      Esses que se fazem de desentendidos são os grandes semeadores da discórdia. Verdadeiros lobos vestidos de corderinhos, sempre cheios de boas intenções…

  • RoadV8Runner

    Gostei de ver que serão oferecidos modernos motores multi-válvulas nos novos Versa (ao menos o 1-litro de 3 cilindros será novidade). Novamente, os fabricantes têm passado a oferecer esses motores, pois lá pelo fim dos anos 90 e início dos anos 2000 houve uma profusão dos motores de 4 válvulas por cilindro por aqui para, alguns anos depois, sumirem quase que por completo do mercado.

  • Marchentusiasta

    Possuo um March 1,6-L e minha única queixa é que ele poderia ser “mais carro” para tanto motor. Por favor, Nissan, não me interprete mal, eu ADORO o motor 1,6 do March, mas ele merecia pneus mais largos e ajustes na suspensão para diminuir o torque steer. Em algumas arrancadas os pneus chegam a pular com a súbita transferência de força para o chão. Creio que o Versa deva ter as mesmas peculiaridades. Até sinto receio de falar sobre isso aqui com medo da fábrica amarrar o motor do carro, que seria uma solução infeliz.

  • Vinicius

    Por favor, Autoentusiastas, quando for possível, façam um “No Uso” com o Versa 1.0 3 cilindros. Acredito que há um grande interesse por esse tipo de motor, e ainda mais interesse por ver os resultados que a Nissan-Renault conseguiu em seu desenvolvimento.

  • José Pedro

    Pena que pioraram a frente do carro. A única parte que não era tão feia….

  • Paulo Eduardo

    Uma boa noticia sua fabricação aqui. Um excelente carro, sempre elogiado pelo bom espaço, ótimo motor e bom acabamento. Uma pena sofrer com linhas tão mal resolvidas e a falta da opção automática.