Trail

O motor V-6 HFV6 de 3,6 litros da Chevrolet Trailblazer 2015 passa a ter injeção direta, resultando em aumento de potência em 38 cv, de 239 para 277 cv (a 6.400 rpm) e de 2,2 m·kgf de torque, de 33,5 para 35,7 m·kgf (a 3.700 rpm). O corte de rotação é a 7.150 rpm.

Os dois comandos de válvulas por cabeçote passaram a ter fase variável contínua e os coletores de escapamento passaram a ser integrados aos cabeçotes. Pistões passam a receber jato de óleo para arrefecimento e os pinos de pistão são flutuantes agora.

 

HFV6 Motor Conjunto

Vista em corte do novo motor HFV6 de injeção direta (imagem GM)

O bloco e os cabeçotes são de alumínio e aquele tem camisas de ferro fundido nodular. O desenho do cabeçote é extremamente complexo e por isso para fundi-lo é usada uma espuma especial para as partes internas, em que depois, por meio de ultrassom, a espuma se desmancha e é retirada.

 

Cabeçote

O novo cabeçote tem o coletor de escapamento integtado, note a saída única (foto GM)

O câmbio continua a ser o Hydramatic 6L50 de seis marchas com trocas manuais seqüenciais.

A velocidade máxima continua limitada a 180 km/h e a aceleração 0-100 km/h é feita em 7,6 segundos.

A suspensão de braços triangulares na dianteira e de eixo rígido na traseira foi recalibrada para maior conforto e precisão, segundo a GM, e direção teve a relação baixada para 18,2:1, 3,33 voltas entre batentes e diâmetro mínimo de curva de 11,8 metros.

O preço não foi informado. Como referência, a Traiblazer LTZ com o motor anterior tinha preço público sugerido de R$ 144.650.

Ae/BS

(Atualizado em 20/10/14 às 14h14, inclusão de imagens)

(155 visualizações, 1 hoje)